PUBLICIDADE
Topo

Futebol

OPINIÃO

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

Juca: É indesculpável o Palmeiras reativo contra um time como o Corinthians

Do UOL, em São Paulo

15/06/2021 04h00

Palmeiras e Corinthians empataram no primeiro clássico dos dois clubes no Campeonato Brasileiro, no último sábado, no Allianz Parque, em jogo no qual o time treinado por Abel Ferreira conseguiu um gol logo nos minutos iniciais, mas recuou e viu o rival crescer e chegar à igualdade, mesmo vivendo um momento mais difícil, vindo de troca de treinador.

No podcast Posse de Bola #134, Juca Kfouri afirma que a satisfação do torcedor corintiano e a insatisfação do palmeirense com o empate diz bem se foi mérito maior do time de Sylvinho ou demérito dos comandados de Abel Ferreira, além de considerar inadmissível que o Palmeiras, com um elenco superior, jogue da forma como fez no jogo diante do Corinthians.

"A resposta está na maneira como reagiram as duas torcidas, a torcida do Palmeiras justamente irritada com o empate que teve sabor de derrota e a torcida do Corinthians justamente feliz com o empate que teve sabor de vitória. Porque o Palmeiras conseguiu, contra um time desprovido de talento, de qualquer criatividade, conseguiu ser pior do que o Corinthians no primeiro tempo e no segundo até criou mais chances de gol, mas foi quando também tomou o empate", afirma Juca.

"É absolutamente indesculpável que o Palmeiras jogue reativamente contra um time como o Corinthians. Eu esperava o Palmeiras com a faca entre os dentes, como fez contra o CRB e eu até o desculpei, porque achei que foi daquelas noites em que a bola não entra, mas o Palmeiras fez tudo para ganhar e golear o CRB. Jogou contra o Corinthians covardemente, esperado um contra-ataque, quase deu certo, quase fez o segundo gol, anulado corretamente por detalhes pelo VAR, mas o fato é que é injustificável que o Palmeiras, vindo de uma eliminação da Copa do Brasil, jogando em casa, contra este Corinthians, não ganhe". conclui.

Posse de Bola: Quando e onde ouvir?

A gravação do Posse de Bola está marcada para segundas e sextas-feiras às 9h, sempre com transmissão ao vivo pela home do UOL ou nos perfis do UOL Esporte nas redes sociais (YouTube, Facebook e Twitter).

A partir de meio-dia, o Posse de Bola estará disponível nos principais agregadores de podcasts. Você pode ouvir, por exemplo, no Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts, Amazon Music e Youtube --neste último, também em vídeo. Outros podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Futebol