PUBLICIDADE
Topo

Futebol

OPINIÃO

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

Arnaldo: Mancini depende muito do sucesso dos garotos para sua permanência

Do UOL, em São Paulo

16/05/2021 04h00

O técnico Vagner Mancini sofreu sua terceira goleada no comando do Corinthians na última quinta-feira, com os 4 a 0 do Peñarol, e viu seu time ser eliminado da Copa Sul-Americana com duas rodadas de antecedência, tendo pela frente hoje, às 16h, uma semifinal diante do rival Palmeiras pelo Campeonato Paulista.

No podcast Posse de Bola #125, Arnaldo Ribeiro avalia que o trabalho de Mancini no Corinthians é razoável, mas as goleadas deixam sua situação complicada, dependendo do sucesso dos garotos que tem lançado no time principal para se manter no cargo.

"A partir do momento em que o Vagner Mancini consegue alguns resultados interessantes com o time de garotos, projetar alguns garotos, colocá-los como titulares, eu acho que depende muito do sucesso do time de garotos, que virou o time principal do Corinthians no Paulista, a permanência dele", afirma Arnaldo.

"É um trabalho razoável, não é um trabalho desastroso, mas também não é um trabalho bom e tem essas manchas de goleadas e time grande não pode tomar goleada, não pode tomar goleada e tomar algumas goleadas, daqui a pouco dá para a gente encher a mão com as goleadas que o Corinthians tomou", completa.

O jornalista ressalta o fato de o Peñarol atual não viver um grande momento, com um time em transição após ter ficado fora da Libertadores e aponta como cenário para a salvação de Mancini vencer a semifinal contra o Palmeiras e bater o São Paulo em uma eventual final de Paulistão.

"O Peñarol só se classificou para a Sul-Americana numa repescagem uruguaia e é o Peñarol em reformulação e tudo o mais. Não dá para tomar 4 gols do Peñarol, não dá, acho que o Peñarol não faz quatro gols em alguém há muito tempo. Então eu acho que essas manchas, essas máculas podem encurtar o trabalho do Mancini. O cenário ideal para o Mancini era ter uma semifinal com o Palmeiras, a final com o São Paulo e ganhar dos dois", conclui.

Posse de Bola: Quando e onde ouvir?

A gravação do Posse de Bola está marcada para segundas e sextas-feiras às 9h, sempre com transmissão ao vivo pela home do UOL ou nos perfis do UOL Esporte nas redes sociais (YouTube, Facebook e Twitter).

A partir de meio-dia, o Posse de Bola estará disponível nos principais agregadores de podcasts. Você pode ouvir, por exemplo, no Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts, Amazon Music e Youtube --neste último, também em vídeo. Outros podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Futebol