PUBLICIDADE
Topo

Futebol

OPINIÃO

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

Arnaldo: Fluminense tem time reserva mais próximo do titular, Flamengo não

Do UOL, em São Paulo

30/04/2021 19h52

Flamengo e Fluminense foram os dois clubes grandes que chegaram às semifinais do Campeonato Carioca e podem se encontrar na final caso o Rubro-negro passe pelo Volta Redonda e o Tricolor pela Portuguesa nas semifinais que acontecem a partir de amanhã, com a sequência dos dois na Libertadores podendo definir se os times contarão com os titulares em uma eventual decisão.

No podcast Posse de Bola #121, Arnaldo Ribeiro analisa os times de Rogério Ceni e Roger Machado, chamando a atenção para o fato de, no caso de os dois chegarem para o confronto na final do Carioca e utilizarem os reservas, o Fluminense conta com um time mais próximo do titular em comparação ao rival.

"Hoje o Fluminense, claro que não dá para comparar com o Flamengo o time titular, a qualidade de alguns jogadores, mas o Fluminense decidiu formar um elenco caro também, um elenco bem caro. O Fluminense amplificou a sua folha salarial consideravelmente, com vários reforços", afirma Arnaldo.

"Se forem as mesmas estratégias, usar no estadual a equipe alternativa, hoje o Fluminense tem uma equipe reserva, com as contratações, como mostrou em algumas situações precoces ainda, os caras estão começando a jogar agora, uma equipe reserva em condição não muito distante do time titular, tecnicamente falando, o que não acontece com o Flamengo", completa.

O jornalista ressalta que, embora o Flamengo conte com um time superior aos demais no futebol brasileiro, são poucos os reservas que conseguem atuar no mesmo nível de seus 11 titulares.

"O Flamengo tem um time reserva bom, mas os reservas em condição de ameaçar os titulares, só tem o Pedro. O Vitinho está entrando bem, o Rogério Ceni tem feito um bom trabalho com o Vitinho, mas é o único clube do Brasil que de fato existe uma diferença gigante entre o time titular, que é excelente, e o time reserva. O Fluminense, não, mesmo tendo o Fred como o seu principal jogador no time principal", diz Arnaldo.

Ele afirma que, diferentemente da temporada passada, o Fluminense hoje tem condições de fazer frente ao Flamengo no campeonato estadual, com a definição pelo uso de seus times principais ou não a depender dos resultados da próxima semana na Libertadores.

"O time do Fluminense nesse momento e nessa circunstância tem condição de fazer frente ao Flamengo em uma eventual decisão de campeonato, que acho que muda tudo, os dois podem estar em uma situação já mais adiantada na Libertadores, os dois grandes desafios para os dois, Flamengo e Fluminense, acontece justamente nessa semana, Flamengo em Quito e Fluminense contra o Junior de Barranquilla, porque o Fluminense só vai jogar com o River Plate lá na frente, então se o Fluminense sair da Colômbia de novo com um bom resultado", diz Arnaldo.

"O Flamengo idem, se o Flamengo empata com a LDU, que é um bom resultado, já também está de bom tamanho, encaminha a sua classificação em primeiro lugar do grupo, essa semana é muito importante para os dois para eventualmente a gente ter um Fla-Flu no estadual do Rio saboroso, que vai ter rivalidade, vai ter jogador importante, mesmo que forem os reservas, mesmo que seja Pedro contra Cazares, a gente teria um Fla-Flu interessante na final estadual do Rio, conclui.

Posse de Bola: Quando e onde ouvir?

A gravação do Posse de Bola está marcada para segundas e sextas-feiras às 9h, sempre com transmissão ao vivo pela home do UOL ou nos perfis do UOL Esporte nas redes sociais (YouTube, Facebook e Twitter).

A partir de meio-dia, o Posse de Bola estará disponível nos principais agregadores de podcasts. Você pode ouvir, por exemplo, no Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts, Amazon Music e Youtube --neste último, também em vídeo. Outros podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Futebol