PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Mauro Cezar: "Falta ao Flamengo melhorar o aproveitamento ofensivo"

Do UOL, em São Paulo

24/01/2021 04h00

O Flamengo conseguiu duas vitórias consecutivas contra Goiás e Palmeiras para voltar a depender apenas de seus próprios resultados na disputa pelo título Campeonato Brasileiro, voltando a campo hoje para enfrentar o Athletico-PR, em Curitiba, para se firmar em uma disputa equilibrada na reta final da competição.

No podcast Posse de Bola #93, Mauro Cezar Pereira cita os dois jogos seguidos do Flamengo sem sofrer gols no campeonato, algo que o time ainda não havia conseguido e vê a necessidade de melhorar a pontaria no ataque, citando dados que mostram a equipe comandada por Rogério Ceni como a que mais cria oportunidades e também a que mais as desperdiça.

"Se você usar como referência o comportamento do time nesse jogo, falta um item, que é melhorar o aproveitamento ofensivo, o Flamengo é disparado o time que mais cria situações de gol no campeonato e é disparado o time que mais as desperdiça, tem um aproveitamento muito ruim, então tem que melhorar isso. Ontem [quinta-feira] mesmo o Gabigol perdeu chances muito boas, embora tenha participado da jogada do primeiro gol”, diz Mauro Cezar.

"Eu acho que esse é o ponto que falta corrigir, que é justamente melhorar o desempenho ofensivo, usando como referência esse jogo. Foi a primeira vez que o Flamengo ficou dois jogos no campeonato sem sofrer gols, contra o Goiás e contra o Palmeiras não foi vazado. Já é uma evolução, mas é uma amostra muito pequena, é preciso que nessa sequência de jogos o time apresente isso, e essa sequência pode ser muito esclarecedora para o bem e para o mal", completa.

Considerando a sequência de jogos contra Athletico-PR, Grêmio e Sport, o jornalista afirma que uma conta de sete pontos, com um empate diante do time gremista e duas vitórias pode fazer com que o time se saia forte para a briga pelo título.

"O Athletico-PR de novo em um momento que não é dos melhores, o Grêmio rei do empate, aliás, pouco se fala sobre isso, impressionante como se ignora uma campanha do Grêmio que o Grêmio não briga pelo título como poderia porque o time do Renato não vence, empatou metade dos 30 jogos que fez, 15 empates, diz Mauro Cezar.

"Digamos, se o Flamengo empatar com o Grêmio, o que seria absolutamente natural nesse contexto, e vencer os dois rubro-negros, o Athletico-PR e o Sport, ele pode ficar em uma posição muito boa, especialmente se melhorar o seu desempenho ofensivo e, é claro, partindo da ideia de que a defesa vá continuar atuando como atuou nesse último jogo principalmente contra o Palmeiras, que foi o indício de um crescimento, reflexo até da maneira como o time foi montado, mas eu acho que ainda é um trecho muito pequeno para ter toda essa convicção", conclui.

Posse de Bola: Quando e onde ouvir?

A gravação do Posse de Bola está marcada para segundas e sextas-feiras às 9h, sempre com transmissão ao vivo pela home do UOL ou nos perfis do UOL Esporte nas redes sociais (YouTube, Facebook e Twitter). A partir de meio-dia, o Posse de Bola estará disponível nos principais agregadores de podcasts.

Você pode ouvir o Posse de Bola em seu tocador favorito, quando quiser e na hora que quiser. O Posse de Bola está disponível no Spotify e na Apple Podcasts, no Google Podcasts e no Castbox . Basta buscar o nome do programa e dar play no episódio desejado. No caso do Posse de Bola, é possível ainda ouvir via página oficial do UOL e YouTube do UOL. Outros podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts.

Futebol