PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Juca: "Parece que Ceni está sem saber como agir, sem se impor como deveria"

Do UOL, em São Paulo

09/01/2021 04h00

O técnico Rogério Ceni sofreu críticas após a derrota do Flamengo no clássico diante do Fluminense no Maracanã, na última quarta-feira (6), inclusive com algumas declarações sendo vistas como colocar a culpa nos jogadores devido aos erros de execução mesmo com as chances criadas pelo Rubro-negro.

No podcast Posse de Bola #89, Juca Kfouri afirma ter uma impressão contrária em relação à forma como o treinador lida com seu elenco e vê uma dificuldade no trato com as estrelas do time após os problemas que teve no Cruzeiro, quando bateu de frente com os principais atletas e acabou demitido.

"Tem gente achando que ele na entrevista coletiva entregou os jogadores, culpou os jogadores pela falta dos gols, demonstrando que o esquema dele está certo, o Flamengo cria, não põe para dentro e não é culpa dele", diz Juca.

"Eu tenho a sensação inversa, que, escaldado pelo que aconteceu no Cruzeiro, ele está muito respeitoso em relação às estrelas rubro-negras. E está querendo ser mais amigo do que comandante, o que é típico de quem ainda tem que criar uma certa casca como treinador, casca essa que evidentemente ele não tem", completa.

Eduardo Tironi também afirma que pelo histórico de Rogério Ceni como jogador, essa postura atual com o elenco do Flamengo não é algo que combine com o perfil do ex-goleiro.

"E esse papel não cabe muito no Rogério Ceni, ele sempre foi o inverso disso, ele sempre foi muito autossuficiente, muito líder, muito eu que faço'", diz Tironi.

Juca concorda com a afirmação e tem a impressão de que o técnico do Flamengo está um pouco perdido em relação ao que fazer no trato com os jogadores.

"Me parece que ele está realmente um pouco titubeante, sem saber como agir nesse momento, sem se impor como eventualmente deveria e como tentou no Cruzeiro e deu-se mal, com uma rebelião de jogadores que o colocaram para fora", conclui.

Posse de Bola: Quando e onde ouvir?

A gravação do Posse de Bola está marcada para segundas e sextas-feiras às 9h, sempre com transmissão ao vivo pela home do UOL ou nos perfis do UOL Esporte nas redes sociais (YouTube, Facebook e Twitter). A partir de meio-dia, o Posse de Bola estará disponível nos principais agregadores de podcasts.

Você pode ouvir o Posse de Bola em seu tocador favorito, quando quiser e na hora que quiser. O Posse de Bola está disponível no Spotify e na Apple Podcasts, no Google Podcasts e no Castbox . Basta buscar o nome do programa e dar play no episódio desejado. No caso do Posse de Bola, é possível ainda ouvir via página oficial do UOL e YouTube do UOL. Outros podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts.

Futebol