PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Juca Kfouri: "Galo tem decepcionado após a goleada que impôs ao Flamengo"

Do UOL, em São Paulo

25/11/2020 04h00

O Atlético-MG conseguiu vitórias importantes diante de Flamengo e Corinthians nas últimas rodadas do Brasileirão, mas elas foram as únicas dos oito jogos mais recentes disputados pelo time comandado por Jorge Sampaoli, que não conseguiu se distanciar na liderança da competição devido aos tropeços, como a derrota em casa para o Athletico-PR e o empate com o Ceará.

No podcast Posse de Bola #76, Juca Kfouri afirma que o clube mineiro tem decepcionado após a goleada sobre o Flamengo, quando deu mostras de que poderia abrir vantagem na competição, mas não conseguiu manter a sequência depois do jogo contra o Corinthians, e hoje volta a campo para enfrentar o Botafogo.

"O Galo parece que morreu do esforço da goleada que impôs ao Flamengo, porque de lá para cá tem decepcionado. Você pode dizer ‘bom, mas segurou um empate com o Ceará no Castelão, com um jogador a menos e perdia quando empatou 2 a 2, já com 10 jogadores’, só que durante o tempo todo do 11 contra 11 o Ceará foi melhor que o Galo”, diz Juca.

“Curiosamente, outra vez o Galo com um jogador a menos fez uma partida boa a partir do momento me que ficou com 10, até teve mais chances para ganhar do Ceará do que o Ceará teve para ganhar dele”, completa.

O jornalista afirma que esperava mais do time de Jorge Sampaoli e acredita que a ausência do treinador ao lado do campo nos últimos dois jogos pelo fato de ter sido diagnosticado com covid-19, deve ter influência na queda do desempenho.

"Eu acho decepcionantes essas últimas semanas do Galo, tirante obviamente o 4 a 0 no Flamengo, acho um Galo pior do que se poderia imaginar. Claro que você pode imputar também o fato de que o Sampaoli não está à beira do gramado”, diz Juca.

"Mas eu cada vez mais tenho dúvidas sobre aquela loucura que ele impõe ali de ficar gritando com o time, se isso faz bem ou mal ao time Para a seleção brasileira eu não tenho dúvida que o excesso de gritos do Tite tem feito mal, para o Galo, talvez pelas características do time e do Sampaoli, o Sampaoli faça bem, e ele não tem estado por causa da covid, mas era para o Galo estar mais folgado, não está e eu insisto que entre Galo e Flamengo no fim, eu sou mais Flamengo”, conclui.

Posse de Bola: Quando e onde ouvir?

A gravação do Posse de Bola está marcada para segundas e sextas-feiras às 9h, sempre com transmissão ao vivo pela home do UOL ou nos perfis do UOL Esporte nas redes sociais (YouTube, Facebook e Twitter). A partir de meio-dia, o Posse de Bola estará disponível nos principais agregadores de podcasts.

Você pode ouvir o Posse de Bola em seu tocador favorito, quando quiser e na hora que quiser. O Posse de Bola está disponível no Spotify e na Apple Podcasts, no Google Podcasts e no Castbox . Basta buscar o nome do programa e dar play no episódio desejado. No caso do Posse de Bola, é possível ainda ouvir via página oficial do UOL e YouTube do UOL. Outros podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts.

Futebol