PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Mauro Cezar: "Ruptura de Coudet para Abel provoca um maremoto no Inter"

Do UOL, em São Paulo

22/11/2020 04h00

Após a saída conturbada do técnico argentino Eduardo Coudet e o retorno de Abel Braga ao comando do Internacional, o time foi derrotado pelo América-MG em pleno Beira-Rio, e por um Santos com vários desfalques causados pela covid-19, e em sua única vitória, em novo jogo contra o time mineiro na Copa do Brasil, acabou eliminados nos pênaltis.

No podcast Posse de Bola #75, Mauro Cezar Pereira analisa a situação do time que tem pela frente um jogo com o Fluminense, que tenta voltar a vencer no segundo turno após uma primeira boa metade de Brasileirão, além de jogar na próxima quarta-feira contra o Boca Juniors, nas oitavas de final da Libertadores.

"O Inter vai jogar contra o Boca. O Boca está em um bom momento, inclusive é o atual campeão argentino, eu acho que agora é o favorito contra o Inter nessa situação em que o Inter perdeu o seu treinador porque a diferença de maneira de pensar o futebol, de trabalhar entre o Abel e o Coudet, ela é absurda”, diz Mauro Cezar.

"Essa ruptura com a saída do técnico argentino e a contratação do Abel provoca aí um grande maremoto dentro do Internacional, não sei, acho muito difícil que o Inter consiga manter o pique da remada com essa troca e deverá priorizar agora o mata-mata que resta, que é a Libertadores, porque o Abel também costuma fazer isso”, completa o jornalista.

Depois de o Inter passar todo o primeiro turno na briga pelas primeiras posições do Campeonato Brasileiro, Mauro acredita que pode haver uma queda do time, em especial se a opção de Abel for por poupar jogadores pensando nos jogos da Libertadores, o que enfraquece o time, em sua opinião.

"Se ele priorizou Copa do Brasil com relação ao Brasileiro, o que ele vai fazer com relação à Libertadores, jogo com o Boca? É claro que ele vai priorizar a Libertadores, então não será surpresa se o Internacional entrar nesses próximos jogos com o time enfraquecido, cheio de reservas”, diz Mauro

"Eu até li, não ouvi, mas eu li de algum colega da imprensa gaúcha uma declaração na linha ‘não teve estratégia esse jogo, coloquei os mais experientes’. Se, de fato, ele falou isso, em 2021 praticamente um técnico falando que ele vai para uma partida fora de casa em um torneio eliminatório, vindo de uma derrota em casa e precisando vencer, acho que isso aí já resume tudo. Alguém gostaria de ter no comando do seu time um técnico que numa partida importante seria capaz de dizer algo parecido? Eu não gostaria”, conclui.

Posse de Bola: Quando e onde ouvir?

A gravação do Posse de Bola está marcada para segundas e sextas-feiras às 9h, sempre com transmissão ao vivo pela home do UOL ou nos perfis do UOL Esporte nas redes sociais (YouTube, Facebook e Twitter). A partir de meio-dia, o Posse de Bola estará disponível nos principais agregadores de podcasts.

Você pode ouvir o Posse de Bola em seu tocador favorito, quando quiser e na hora que quiser. O Posse de Bola está disponível no Spotify e na Apple Podcasts, no Google Podcasts e no Castbox . Basta buscar o nome do programa e dar play no episódio desejado. No caso do Posse de Bola, é possível ainda ouvir via página oficial do UOL e YouTube do UOL. Outros podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts.

Futebol