PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Mauro Cezar: Se São Paulo cair para o Fortaleza do Ceni, impacto será maior

Do UOL, em São Paulo

25/10/2020 04h00

Após o empate em 3 a 3 no Castelão, em jogo com expulsões de dois jogadores do Fortaleza e do técnico Fernando Diniz, o São Paulo tem novamente o time treinado por Rogério Ceni como adversário hoje (25), às 20h30, no Morumbi, em duelo que vale vaga nas quartas de final da Copa do Brasil.

No podcast Posse de Bola #67, Mauro Cezar Pereira destaca a diferença de elencos e investimentos de São Paulo e Fortaleza e do fato de Rogério Ceni ser o treinador do time visitante como fatores que causam pressão maior para o time paulista.

"Alguém vai ser eliminado. Se for o Ceni, não acho que vai ser um problema para ele, vai ser considerado algo do jogo, o elenco mais forte do que o do Fortaleza, o São Paulo tem um elenco bem mais forte, só o custo mensal do Daniel Alves deve cobrir quase toda a folha de pagamentos se não toda a folha de pagamento do Fortaleza", diz Mauro Cezar.

"Agora, se o São Paulo for eliminado pelo time do Rogério, isso vai ter um impacto muito maior do que se fosse eliminado por qualquer outro time. Se fosse o Ceará com o Guto Ferreira, seria um impacto. Com o Rogério Ceni, caso aconteça, vai ser muito maior o impacto, porque você está sendo eliminado por um time que tem o investimento menor, então a cobrança evidentemente não é do mesmo tamanho, isso é óbvio", completa.

O jornalista ressalta ainda que para o Fortaleza uma eliminação não seria traumática pelo que o time vem fazendo, se firmando no Campeonato Brasileiro, com resultados importantes diante de times com elencos mais caros, e longe da briga contra o rebaixamento.

"Acho que a eliminação pesa muito mais para o São Paulo e para o Fernando Diniz, não tem nem dúvida. O Fortaleza joga mais leve, joga mais tranquilo. Vai fazer o jogo dele sabendo 'estamos aqui, se a gente passar, fizemos história. Se não passar, jogando uma partida digna, brigando, competindo, ninguém vai poder falar que o time do Fortaleza é banana'. Ninguém vai falar isso, ninguém vai dizer nada", analisa Mauro Cezar.

"Vai continuar remando no Brasileirão, buscando uma boa colocação como no ano passado. É um time que já nem se fala mais em briga contra rebaixamento, quando se olha o Fortaleza. Não que esteja livre, o time pode ter uma queda durante o campeonato e ir parar lá embaixo, mas nesse momento ninguém imagina o Fortaleza como um time que briga para não cair, ele já atingiu o tal do outro patamar, a questão agora é manter", conclui.

Posse de Bola: Quando e onde ouvir?

A gravação do Posse de Bola está marcada para segundas e sextas-feiras às 9h, sempre com transmissão ao vivo pela home do UOL ou nos perfis do UOL Esporte nas redes sociais (YouTube, Facebook e Twitter). A partir de meio-dia, o Posse de Bola estará disponível nos principais agregadores de podcasts.

Você pode ouvir o Posse de Bola em seu tocador favorito, quando quiser e na hora que quiser. O Posse de Bola está disponível no Spotify e na Apple Podcasts, no Google Podcasts e no Castbox . Basta buscar o nome do programa e dar play no episódio desejado. No caso do Posse de Bola, é possível ainda ouvir via página oficial do UOL e YouTube do UOL. Outros podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts.

Futebol