PUBLICIDADE
Topo

Jardel: "Se estivesse jogando hoje, estaria valendo 150 milhões de euros"

Mais Os Canalhas
1 | 25
Siga o UOL Esporte no

Do UOL, em São Paulo

23/10/2020 04h00

Jardel fez sucesso atuando como centroavante no futebol brasileiro e no futebol europeu durante as décadas de 90 e 2000, sendo inclusive artilheiro da Liga dos Campeões quando atuava pelo Porto na temporada 1999/2000, ao lado de Raúl, do Real Madrid, e Rivaldo, do Barcelona.

Em entrevista ao programa Os Canalhas, com os jornalistas João Carlos Albuquerque e Rodrigo Viana, o ex-jogador vê o camisa 9 de origem extinto no futebol atual e destaca a mudança nos valores pagos, considerando que hoje estaria valendo 150 milhões de euros.

"Eu acho que está muito inflacionado, muito jogador ganhando muito dinheiro e pouco rendimento, salário altíssimo. Eu acredito que se eu estivesse jogando hoje, como eu falei ontem para Portugal, eu estava valendo 150, 200 milhões de euros, ganhando 1 milhão de euros por mês", afirma Jardel.

Ele também afirma que não gosta das funções que hoje são exercidas pelos jogadores que atuam na área, muitas vezes tendo de voltar para marcar.

"Essa safra nova agora, muito jogador que tem que voltar, tem que marcar, eu sou a favor de um jogador de área que faça gols", conclui.

Os Canalhas: Quando e onde?

O programa Os Canalhas vai ao ar toda terça-feira, às 14h, em transmissão ao vivo, disponível na home do UOL ou nos perfis do UOL Esporte no Youtube e no Facebook e Twitter, com os jornalistas João Carlos Albuquerque e Rodrigo Viana entrevistando personalidades importantes do esporte brasileiro. Inscreva-se no canal Os Canalhas no Youtube para conferir mais de João Carlos Albuquerque e Rodrigo Viana.