PUBLICIDADE
Topo

Futebol

"Rogério Ceni é o técnico da semana, do mês e do ano", diz Arnaldo Ribeiro

Do UOL, em São Paulo

20/10/2020 04h00

Sem um elenco entre os melhores do futebol brasileiro, o Fortaleza comandado por Rogério Ceni conseguiu vitórias importantes sobre Atlético-MG, Internacional e no último domingo contra o Palmeiras, além de criar dificuldades para o Flamengo em partida na qual foi derrotado no Maracanã, e o técnico tem seu trabalho elogiado até mesmo por rivais do São Paulo, clube do qual foi ídolo como jogador, e que tem como treinador atualmente Fernando Diniz, muitas vezes alvo de críticas da torcida são-paulina.

No podcast Posse de Bola #66, Arnaldo Ribeiro analisa o trabalho de Rogério Ceni e cita o conflito que existe para o torcedor do São Paulo tendo Fernando Diniz como técnico enquanto o treinador brasileiro que se destaca tem ligações históricas com o clube e que é o adversário no próximo domingo por uma vaga nas quartas de final da Copa do Brasil.

"O que acho que causa o conflito maior para o são-paulino é saber que o melhor técnico brasileiro hoje não é o Renato, que enfrentou o Diniz, é o Rogerio, que até outro dia era ser são-paulino, só são-paulino, ele não é mais só são-paulino, ele é técnico. A diferença entre o Fernando Diniz e o Rogério Ceni, ela é gigante e o são-paulino, como é que o são-paulino vai querer aplaudir o Fernando Diniz e tal sabendo que o melhor é o Rogério Ceni e está ali em Fortaleza?", afirma Arnaldo.

"O que o Rogério Ceni fez nessas últimas, o Rogério Ceni é o técnico da semana, é o técnico do mês, é o técnico brasileiro de 2020, é o melhor técnico e é o técnico que tem maior potencial de desenvolvimento, não tem nem comparação com o resto. Tem os gringos e tem o Rogério Ceni, e tem o Renato, o Renato eu acho que já chegou no seu ápice como treinador, não é o melhor momento do Renato", completa.

O jornalista também coloca Diniz em comparação a Ceni e ao treinador do Grêmio, Renato Portaluppi, os dois últimos adversários do time que enfrenta hoje o Binacional pela Libertadores, e vê dificuldades para o treinador do São Paulo conseguir alcançar o nível de trabalho deles.

"O Fernando Diniz, a não ser que aconteça uma transformação radical na forma de ele trabalhar, ele jamais vai chegar a Renato e a Rogério Ceni, e não estou dizendo nas figuras que Renato e Rogério Ceni representam para o futebol brasileiro, estou falando em termos de treinador, eu acho que os dois estão muito acima, sobretudo o Rogério, que faz um ano brilhante. Nas partidas grandes, de visibilidade, você pega o Fortaleza para ver jogar e é uma coisa impressionante o que, com jogadores comuns o Rogério Ceni fez o time do Fortaleza virar", conclui.

A gravação do Posse de Bola está marcada para segundas e sextas-feiras às 9h, sempre com transmissão ao vivo pela home do UOL ou nos perfis do UOL Esporte nas redes sociais (YouTube, Facebook e Twitter). A partir de meio-dia, o Posse de Bola estará disponível nos principais agregadores de podcasts.

Você pode ouvir o Posse de Bola em seu tocador favorito, quando quiser e na hora que quiser. O Posse de Bola está disponível no Spotify e na Apple Podcasts, no Google Podcasts e no Castbox . Basta buscar o nome do programa e dar play no episódio desejado. No caso do Posse de Bola, é possível ainda ouvir via página oficial do UOL e YouTube do UOL. Outros podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts.

Futebol