PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Mauro Cezar: "Flamengo coleciona fracassos na Libertadores e teve recaída"

Do UOL, em São Paulo

18/09/2020 17h08

Atual campeão da Libertadores, o Flamengo foi goleado pelo Independiente Del Valle por 5 a 0, ontem, em Quito, na maior derrota sofrida pelo clube na história da competição sul-americana, em 16 participações e com dois títulos. O time que volta a campo na próxima terça-feira contra o Barcelona de Guayaquil, também no Equador, não tem a sua classificação em risco com a campanha até agora, mas muda o cenário no ambiente, com o técnico Domènec Torrent criticado pelos torcedores.

No podcast Posse de Bola #57, Mauro Cezar Pereira lembra que, embora o clube tenha conquistado o título em 2019, o Flamengo acumulou fracassos na Libertadores no século e vê uma recaída na derrota sofrida no Equador.

"Atuação vergonhosa, é a maior goleada que o Flamengo já tomou, o Flamengo jogou quantas vezes na altitude na Copa Libertadores? Pegou um time muito bom, muito bem treinado, muito organizado, mas nada justifica. Foi absolutamente ridículo, foi 5 e poderia ser mais e agora cabe aos jogadores tentar explicar esse batom na cueca, porque não tem explicação isso aí, não tem justificativa, não tem desculpa", diz Mauro Cezar.

"O Flamengo tem uma lista de vexames em Libertadores que é uma coisa imensa, o Flamengo é o grande amarelão da Libertadores junto com o Colo-Colo nesse século, uma coleção de fracassos, vários fracassos, vários vexames, é uma coisa horrorosa. Ano passado mudou isso com a maneira como venceu a competição e agora teve uma grande recaída e isso tem que ser discutido internamente", completa.

Mauro afirma ainda que o técnico Domènec, assim como seus comandados no elenco do Flamengo, não pode avaliar a derrota como normal, justamente por se tratar do atual campeão da Libertadores e que isso também seria inadmissível na Europa.

"O campeão não pode tomar de 5 a 0. O Bayern de Munique não pode chegar na próxima Liga dos Campeões, jogar contra um time da Turquia e tomar de 5 a 0, nem que amanhã tenha altitude na Turquia, não dá, não pode", conclui.

Posse de Bola: Quando e onde ouvir?

A gravação do Posse de Bola está marcada para segundas e sextas-feiras às 9h, sempre com transmissão ao vivo pela home do UOL ou nos perfis do UOL Esporte nas redes sociais (YouTube, Facebook e Twitter). A partir de meio-dia, o Posse de Bola estará disponível nos principais agregadores de podcasts.

Você pode ouvir o Posse de Bola em seu tocador favorito, quando quiser e na hora que quiser. O Posse de Bola está disponível no Spotify e na Apple Podcasts, no Google Podcasts e no Castbox . Basta buscar o nome do programa e dar play no episódio desejado. No caso do Posse de Bola, é possível ainda ouvir via página oficial do UOL e YouTube do UOL. Outros podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts.

Futebol