PUBLICIDADE
Topo

Zé Elias: Palmeiras entra mais pressionado na final contra o Corinthians

Do UOL, em São Paulo

05/08/2020 10h40

O Palmeiras tem melhor campanha no Campeonato Paulista em relação ao Corinthians, mas encara o rival poucos dias após ter sido derrotado na Arena Corinthians em jogo que eliminaria o alvinegro em caso de empate. Além disso e da falta do título estadual desde a última conquista em 2008, o clube ainda tem a derrota para o rival na edição de 2018 na lembrança dos torcedores, motivos pelos quais Zé Elias, ex-jogador e comentarista na ESPN, vê o time de Luxemburgo mais pressionado.

Em entrevista ao programa Os Canalhas, com os jornalistas João Carlos Albuquerque e Rodrigo Viana, o ex-volante que iniciou sua carreira no Corinthians e se tornou ídolo do clube aponta o Palmeiras com leve favoritismo na final do estadual, que tem o primeiro jogo hoje às 21h30. Mas, também aponta que o clube precisa lidar com uma pressão maior na disputa.

"Acho que o Palmeiras, por ter um banco melhor, pode levar vantagem, pode ser considerado levemente, vamos dizer assim, favorito. Mas, sem dúvida alguma, a pressão é no Palmeiras. A pressão vai em cima do Palmeiras, a expectativa para o Vanderlei, porque o Tiago já conseguiu levar o time à final. E aí ele pode usar 'olha, cheguei na final, ainda não é o time que eu estou querendo, mas mesmo assim nós conseguimos chegar'. Todo esse discurso que nós sabemos que os treinadores aproveitam por conta dos resultados", afirma Zé Elias.

"E se você lembrar, eu acho que o Vanderlei está vivendo aquela rivalidade de 1993, você lembra? De 'ah, o Palmeiras não sei quantos anos na fila, é o Vanderlei'. Fatalmente ele vai usar toda essa experiência para tirar o peso das costas dos jogadores do Palmeiras para eles poderem entrar em campo e jogar de forma tranquila", completa.

Para o ex-jogador, o favoritismo do Palmeiras seria maior se a decisão ocorresse antes da parada devido à pandemia do novo coronavírus, pelas condições que os clubes se encontravam. Apesar de não ver o time apresentando um bom futebol, ele elogia a atuação na partida contra a Ponte Preta, pela semifinal, no último domingo.

"Eu acho que está muito igual. Se nós tivéssemos aí uma final pré-pandemia, eu colocaria o Palmeiras como favorito, porque eu acho que antes da parada o Palmeiras estava melhor, o Palmeiras já tinha encaixado a sua equipe, o Vanderlei já tinha encontrado um rumo, a estrada onde seguir, e o Corinthians estava patinando. Patinando, o Tiago perdeu o Ramiro e quando o Ramiro saiu do time ele acabou se perdendo um pouquinho na direção e tentou encontrar de todas as formas a equipe ideal e não conseguiu", afirma Zé Elias.

"Não acho ainda que o Palmeiras está jogando um bom futebol, embora no jogo contra a Ponte Preta, no meu modo de ver, fez o melhor jogo do Palmeiras e acho que o melhor jogo do Campeonato Paulista, porque foi um jogo bem aberto dentro das possibilidades da Ponte Preta, com os dois meninos na frente no meio-campo junto com o Ramires, e o Palmeiras eu acho que tem um pouco mais de opção no banco para poder modificar as duas partidas, por isso eu acho que o Palmeiras nesse caso pode levar uma pequena vantagem por conta do banco. Nas mexidas, nas trocas o Vanderlei pode ter uma variação maior dentro da partida", conclui.

O programa Os Canalhas vai ao ar toda terça-feira, às 14h, em transmissão ao vivo, disponível na home do UOL ou nos perfis do UOL Esporte no Youtube e no Facebook e Twitter, com os jornalistas João Carlos Albuquerque e Rodrigo Viana entrevistando personalidades importantes do esporte brasileiro. Inscreva-se no canal Os Canalhas no Youtube para conferir mais de João Carlos Albuquerque e Rodrigo Viana.