PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Mick Schumacher diz que se sente feliz em ser comparado com seu pai

Mick Schumacher será um dos três pilotos da academia da Ferrari na F-2 - Divulgação/Prema Racing
Mick Schumacher será um dos três pilotos da academia da Ferrari na F-2 Imagem: Divulgação/Prema Racing

Do UOL, em São Paulo

07/03/2019 08h52

Durante os testes da Fórmula 2 no circuito de Barcelona-Catalunha com a Ferrari, Mick Schumacher falou aos jornalistas sobre o quanto gosta em ser comparado ao pai, o heptacampeão Michael Schumacher

O piloto diz que recebe conselhos de competidores mais experientes, que chegaram até a falar para Mick fugir das comparações com o pai para construir o próprio caminho no automobilismo. Mas o jovem de 19 anos não vê problemas com a relação.

"A ajuda da equipe tem sido muito boa. É muito gratificante poder falar com pessoas com muita experiência, para ter conselhos... Mas me faz feliz ser comparado com meu pai", declarou Mick. 

Mick Schumacher será um dos três pilotos da academia da Ferrari na F-2, ao lado de Giuliano Alesi e Callum Ilott. A academia conta com dois brasileiros Enzo Fittipaldi, atual campeão da F-4 italiana, vai correr na Fórmula 3 Regional e Gianluca Petecof fará mais um ano na F-4. 

O piloto também falou sobre a importância de defender as cores da Ferrari, assim como seu pai. "Isso significa muito. Sou muito grato pela oportunidade de trabalhar com uma equipe tão grande e com a combinação de Schumacher e Ferrari". 

Segundo Mick, a adaptação à F-2 tem sido emocionante. "Primeiro, porque é diferente. Você tem que lidar com os pneus de forma diferente na corrida e na classificação. Isso obriga a muda o estilo de direção. No momento eu estou feliz, embora haja, ainda, muito a aprender", disse.

Esporte