PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Pioneira no automobilismo brasileiro, piloto é dubladora de série da Disney

Lucas Pastore

Do UOL, em São Paulo

04/07/2018 04h00

Pioneira no automobilismo brasileiro, Bia Figueiredo dá início a uma nova carreira em parceria com a Disney. A partir dessa segunda-feira (2), passou a ser exibida no Disney Junior a nova temporada de Mickey: Aventuras Sobre Rodas, que tem a piloto como dubladora.

Como o nome dá a entender, a série tem ligação com automobilismo. Nela, Mickey Mouse e outros personagens, como Minnie, Pateta, Donald e Margarida, participam de corridas com carros personalizados. Além de Bia, os também pilotos Takuma Sato e Pippa Mann também fazem parte da equipe de dubladores da nova temporada.

Hoje aos 33 anos de idade, Bia tem história de pioneirismo no automobilismo brasileiro. Em 2003, iniciou sua trajetória na Fórmula Renault do país e se tornou a primeira mulher a vencer uma corrida da categoria, terminando a temporada com o prêmio de melhor estreante do campeonato.

Em 2008, Bia começou sua trajetória no automobilismo dos Estados Unidos. A piloto fez sua estreia na Indy Lights, divisão de acesso da IndyCar. Ao vencer a décima etapa da temporada, se tornou a primeira mulher a subir no topo do pódio na categoria.

O bom desempenho fez com que Bia chegasse à principal categoria do automobilismo dos Estados Unidos. Em 2010, a piloto fez sua estreia na IndyCar, se tornando a primeira mulher brasileira a disputar o campeonato.

O pioneirismo fez com que Bia passasse grande parte da sua carreira respondendo a perguntas sobre o gênero. Para a piloto, que já corria de kart aos nove anos de idade, a participação de mulheres no esporte evoluiu muito desde então.

"Automobilismo é um dos únicos esportes que homens e mulheres correm juntos. Quando comecei a correr de kart em 1994, as pessoas olhavam para mim e questionavam: o que essa menina está fazendo aqui? Hoje mudou, já olham e admiram minha carreira vitoriosa, minha garra, determinação e torcem muito por mim", disse Bia, em entrevista ao UOL Esporte.

BF - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

Agora, Bia dá seus primeiros passos como dubladora. A brasileira já investe na comunicação há algum tempo, já que comentou corridas da IndyCar e trabalha para o Autoesporte, programa da TV Globo. Mesmo assim, ela custou para acreditar quando surgiu a oportunidade de trabalhar para a Disney.

"O contato partiu da Disney e quando chegou, por meio da minha assessoria, achei que era trote. Não conseguia acreditar. A Disney querendo algo comigo. Uma baita honra, fiquei embasbacada por algum tempo, mas topei o desafio e achei tudo incrível", elogiou.

Bia admitiu que ficou nervosa, mas afirmou que a recepção que teve na Disney fez com que a adaptação ao processo de dublagem acontecesse de maneira natural.

"A experiência foi incrível. Me lembrou um pouco o curso de teatro que fiz na infância. Bate um nervosismo como o da largada de uma corrida, pois você quer ter um baita resultado. Mas o pessoal da Disney US, que coordenou a dublagem, foi incrível. Me deixaram super à vontade e me orientaram da melhor forma como queriam a voz e as expressões do personagem", contou.

Apesar de ainda não ter maiores detalhes, a brasileira contou que sua personagem é uma "ratinha", assim como Mickey. Além disso, revelou que os episódios da série têm relação com pilotos famosos, o que permitiu que ela dividisse o carro com a personagem Margarida em um episódio.

"Não sei de grandes detalhes ainda. Vi um rascunho do meu personagem que sou eu 'ratinha', e do episódio que gravei, que tem muita competição e ação de uma forma lúdica. Os personagens da Disney correm junto com alguns pilotos profissionais. No meu episódio, estavam o Mario Andretti e Takuma Sato, campeões das 500 Milhas de Indianapolis. Dividi o meu carro com a Margarida, que adoro nos desenhos. Amei o que vi até agora", descreveu.

Mickey: Aventuras Sobre Rodas é exibida às 20h no Disney Junior. 

Esporte