PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Ifab faz novas mudanças em regra sobre toque de mão no futebol

05/03/2021 18h16

Por Simon Evans

MANCHESTER, Inglaterra (Reuters) - A International Football Association Board (Ifab), entidade responsável pelas regras do futebol, mudou a regra da mão na bola para que toques de mão acidentais que levem um colega de equipe a fazer um gol não sejam mais penalizados.

Antes, um toque de mão era punido se a bola tocasse a mão ou o braço de um jogador ou um colega imediatamente antes de um gol ser marcado ou uma oportunidade de gol ser criada.

Os gols marcados diretamente com a mão ou o braço ou imediatamente depois continuarão a ser anulados, mesmo que forem acidentais, mas não se a bola tocar inadvertidamente a mão de um colega de time no início de um lance.

Os ajustes na lei sobre o toque de mão entram em vigor no dia 1º de julho, mas as competições manterão a flexibilidade de adotar mudanças antes desta data.

Nem todo toque de mão ou de braço de um jogador será uma infração, e foi confirmado que os árbitros devem continuar a usar seu discernimento para determinar a validade de uma posição de mão ou de braço em relação ao movimento do jogador em uma dada situação.

A Ifab também disse que os testes de substituições por concussão devem continuar até 2022 e que a opção de permitir cinco substituições continuará em estudo por causa do impacto contínuo da pandemia de Covid-19.

(Por Simon Evans e Martyn Herman)

Esporte