PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Djokovic e Thiem são eliminados do Aberto de Viena nas quartas de final

30/10/2020 19h06

VIENA (Reuters) - O tenista número um do mundo, Novak Djokovic, e o atual campeão do Aberto dos Estados Unidos, Dominic Thiem, foram eliminados do Aberto de Viena nas quartas de final, nesta sexta-feira, após derrotas em sets diretos para Lorenzo Sonego e Andrey Rublev, respectivamente.

Djokovic, que tinha retrospecto de 39 vitórias e 2 derrotas neste ano, não conseguiu converter um único break point na derrota por 6-2 e 6-1, em partida na qual Sonego quebrou o saque do sérvio por cinco vezes, na maior vitória de sua carreira.

A primeira vitória de Sonego contra um tenista top 10 coroa uma semana dos sonhos para o jogador de 25 anos, que perdera a última partida da etapa classificatória, mas entrou na chave principal como "lucky loser".

"Com certeza é a maior vitória da minha vida", afirmou Sonego em entrevista na quadra. "Joguei muito, muito bem hoje. Gosto deste torneio, gosto das condições aqui. É inacreditável."

Djokovic disse que saber que já havia garantido o primeiro lugar do ranking no final do ano afetou seu desempenho, e o jogador de 33 anos, que não vai defender o título do Masters de Paris, já está ansioso para o ATP Finals, que encerra a temporada.

"Fiz o que precisava fazer e foi por isso que vim aqui. Sigo completamente bem com o resultado de hoje e olhando para o próximo capítulo", disse Djokovic. "Estou com saúde e ansioso por um resultado consistente em Londres."

Em outro jogo, o russo Rublev eliminou o atual campeão Thiem por 7-6 (5) e 6-2, ao conseguir 30 winners e salvar os dois break points que enfrentou.

(Reportagem de Rohith Nair, em Bengaluru)

Esporte