PUBLICIDADE
Topo

Torcedores espanhóis provavelmente não retornarão aos estádios em setembro

16/07/2020 12h07

MADRI (Reuters) - O ministro da Saúde da Espanha expressou dúvidas sobre a possibilidade de os torcedores voltarem às partidas de futebol em setembro devido à ameaça de um ressurgimento das infecções por Covid-19.

O departamento governamental de esporte e a La Liga, que organiza as competições, esperavam deixar os torcedores voltarem aos estádios com uma capacidade reduzida quando a nova temporada começar em setembro, aumentando para 50% em novembro, antes de a capacidade total ser restabelecida em janeiro.

No entanto, um aumento nas infecções desde que a Espanha suspendeu um estado nacional de emergência em junho levou algumas regiões a impor isolamentos localizados e limitar atividades, ameaçando o retorno à normalidade.

"Para ser sincero, não vejo (retorno da torcida aos estádios), dada a realidade em que estamos", disse o ministro da Saúde, Santiago Illa, à estação de rádio Cadena Ser na quinta-feira.

"Vimos alguns focos de infecções e, apesar de podermos felizmente controlá-los, ainda não vejo essa volta... Temos que agir com cuidado com o vírus, e concentrar um grande número de pessoas neste momento não é aconselhável", completou ele.

Illa também criticou as comemorações em grande escala do título da equipe de basquete Baskonia e depois que o Cádiz foi promovido à elite do futebol espanhol. O ministro pediu moderação aos torcedores do Real Madrid caso o clube conquiste o título do Campeonato Espanhol nesta quinta-feira.

(Reportagem de Richard Martin)

Esporte