PUBLICIDADE
Topo

Esporte


Kobe Bryant voltará a dominar final de semana dos astros da NBA de 2020

Mural de Kobe Bryant em Chicago, nos Estados Unidos - REUTERS/Brendan O"Brien
Mural de Kobe Bryant em Chicago, nos Estados Unidos Imagem: REUTERS/Brendan O'Brien

14/02/2020 16h04

A alguns quarteirões do United Center de Chicago, um mural amplo que retrata o falecido Kobe Bryant se impõe sobre uma rua comum da cidade norte-americana, e seu olhar intenso, cercado pela púrpura e o dourado característicos do Los Angeles Lakers, chama a atenção dos motoristas.

O retrato, que surgiu depois que o ex-astro de basquete e sua filha de 13 anos morreram em um acidente de helicóptero, é um lembrete solene de como sua morte ofuscou o final de semana dos astros da NBA de 2020.

O evento, que neste ano acontece em Chicago, costuma ser uma ocasião festiva tanto para os jogadores quanto para os torcedores que amam o esporte.

Mas na edição deste ano, que termina no domingo com o Jogo das Estrelas, as comemorações devem ser discretas, já que a NBA homenageia uma estrela que se apagou.

"Ainda é recente para todos", disse Jesse Sims, caminhoneiro de 33 anos que usava uma camisa de Kobe enquanto esperava na fila para assistir a um pré-jogo da NBA. "Será reconfortante e devastador ao mesmo tempo."

As homenagens a Kobe, tanto planejadas quanto espontâneas, devem ser os destaques de um final de semana repleto de eventos concebidos para ilustrar as habilidades e personalidades que tornaram o basquete da NBA um dos esportes mais populares do mundo.

Esporte