PUBLICIDADE
Topo

Futebol


Guardiola diz que substituir Agüero será tarefa difícil

ANDREW YATES
Imagem: ANDREW YATES

Shrivathsa Sridhar

Bengaluru

27/12/2019 10h44

O técnico do Manchester City, Pep Guardiola, disse que será uma tarefa difícil substituir Sergio Agüero se o atacante argentino decidir deixar o clube no final de seu contrato em 2021.

Desde que se juntou ao City, em 2011, o jogador de 31 anos se tornou o maior artilheiro do time com seus 244 gols em todas as competições. Apesar de estar sofrendo com lesões, ele já balançou as redes adversárias 13 vezes nesta temporada.

"Sergio é insubstituível", disse Guardiola à mídia britânica. "Será uma das tarefas mais difíceis substituí-lo. Temos outro atacante incrível, que é Gabriel Jesus, e talvez venha outro quando Sergio partir, mas ele é insubstituível".

Agüero poderá jogar na partida desta sexta-feira contra o oitavo colocado Wolverhampton Wanderers no Campeonato Inglês, já que se recuperou totalmente de uma lesão na coxa.

O time de Guardiola quer ultrapassar o Leicester City e assumir a segunda colocação, só ficando atrás do Liverpool, com uma terceira vitória seguida na liga.

O treinador disse que o futuro de Agüero no Manchester City dependerá de sua condição física e de seu desejo de ficar.

"Não conversei com ele e não sei suas intenções", disse o espanhol. "Às vezes você tem que tomar uma decisão, mas na maioria dos casos os jogadores decidem".

"Ele está se saindo incrivelmente bem. Nunca vi um grande astro como ele ser tão humilde, tão divertido", disse Guardiola. "É um prazer trabalhar com ele e como ele aceita minhas decisões quando às vezes não é a melhor para ele".

Ouça o podcast Posse de Bola, a mesa redonda do UOL sobre futebol, com Arnaldo Ribeiro, Eduardo Tironi, Juca Kfouri e Mauro Cezar Pereira.

Mais podcasts do UOL no Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts e outras plataformas

Futebol