Marlon Zanotelli termina em quarto lugar em GP na Bélgica

Sete atletas brasileiros competiram neste domingo (16) em provas do hipismo de saltos, mas apenas um deles foi bem. O melhor resultado entre eles foi de Marlon Zanotelli. No Grand Prix de Opglabbeek, o cavaleiro terminou a Prijs Aloga Auction, evento CSI4* com obstáculos em 1m45, em quarto lugar. Além dele, mais cinco estiveram em ação na Bélgica: André Américo de Miranda, Camila Mazza, Yuri Mansur, Eduardo de Menezes e Hercules Gadelha. Já Mariana Chaves disputou etapa na Polônia.

Brasileiros em destaque

Montando Object Of My Affection Marathon, Marlon Zanotelli superou o percurso inicial e concluiu o trajeto definitivo em 37s23, sem faltas. Ele ficou atrás somente do vencedor Thibault Philippaerts, da Bélgica, com 35s17, de Jennifer Hochstaedter, de Liechtenstein, segunda colocada, com 36s05, e de Anthony Wellens, também da Bélgica, terceiro, com 36s34. Portanto, foi dele o resultado mais relevante entre os atletas do Brasil.

Nesta mesma prova, Eduardo de Menezes, montando Hot N Spicy, ficou em 15º, Camila Mazza, com Toulouse Van'T Prinsenveld Z, em 29ª, Hercules Gadelha, com Salamandra Baloubina, em 36º, e Yuri Mansur, com Fifty Fifty Semilly, em 49º. Ainda na Bélgica, André Americo de Miranda competiu na Prijs Team H5, evento CSI4* com obstáculos em 1m55. O cavaleiro, com Hilfinger van de Zuuthoeve, terminou na 16ª posição, participando apenas do percurso inicial e o finalizando em 78s03 e com duas faltas.

Porém, não teve evento de hipismo de saltos apenas na Bélgica. Na Polônia, foi realizada uma prova com a presença de Mariana Chaves. Portanto, ela esteve em ação no Grand Prix de Sopot, no evento CSIO4*, com obstáculos em 1m60, disputa com duas voltas contra o relógio, no qual os pontos são somados e o tempo da segunda volta funciona como desempate. Montando Obi Van Klapscheut, a brasileira acabou se retirando da disputa que teve como vencedora a dinamarquesa Zascha Nygaard Lill, com Stanley.

Deixe seu comentário

Só para assinantes