PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Relembre momentos marcantes em que Fred balançou as redes pelo Fluminense

Esporte News Mundo (redacao@esportenewsmundo.com.br)

06/07/2022 07h15

Fred está marcado na história do futebol brasileiro, e especialmente na história do Fluminense. Após enfileirar recordes desde seu retorno ao clube, o centroavante é o segundo maior artilheiro da história do Tricolor, com 199 gols, apenas atrás de Waldo, que marcou 319 vezes. Em partidas oficiais, Fred é o primeiro do ranking.

Dos 199 gols totais, são 120 marcados com a perna direita, sendo 63 gerais de dentro da área, 41 de pênalti, 8 de fora da área, 3 de voleio, 2 de falta, 2 de bicicleta e 1 de carrinho. Achou pouco? Capaz de finalizar também com a perna não dominante, são 26 gols de perna esquerda, sendo 24 gerais de dentro da área, 1 de voleio e 1 de carrinho. O centroavante ainda marcou 52 gols de cabeça e 1 de peito.

RELEMBRE OS MOMENTOS MARCANTES:

1. Logo em sua estreia, com a camisa do Fluminense, Fred marcou duas vezes. Foi em pleno Maracanã, em 2009, pelo Campeonato Carioca contra o Macaé. Já chegou ganhando a torcida.

2. No mesmo ano, diante do seu ex-clube Cruzeiro, Fred balançou a rede mais duas vezes. Foi um dos jogos mais marcantes da arrancada histórica que livrou o clube do rebaixamento, em um momento em que o Fluminense tinha apenas 2% de chance de se salvar. A equipe começou a partida perdendo por 2 a 0 no Mineirão, mas sob a liderança de Fred, conseguiu a virada, e deixou a lanterna da competição.

3. Pela Libertadores de 2011, o Fluminense se classificou após o título brasileiro de 2010, quando Fred ajudou o clube a contrariar a matemática mais uma vez. O Time de Guerreiros tinha 8% de chances de se classificar na fase de grupos, precisava vencer por dois gols de diferença, além de depender de uma combinação de resultados. Tudo colaborou, e Fred aos 43 minutos do segundo tempo foi o responsável pelo gol da classificação na vitória por 4 a 2, contra o Argentinos Juniors, na Argentina.

4. Em 2011, Fred teve uma semana avassaladora: foram 7 gols em 2 partidas pelo Campeonato Brasileiro. Na quarta (16/11/2011), em jogo histórico no ainda Engenhão, o atacante marcou quatro vezes na vitória tricolor por 5 a 4 diante do Grêmio. No domingo (20/11/2011), fora de casa contra o Figueirense, Fred fez um hat-trick na vitória por 4 a 0.

5. Em 2012, na campanha do tetracampeonato brasileiro, Fred decidiu o FlaxFlu de ambos os turnos, com gols inesquecíveis. O primeiro jogo marcou o centenário do clássico, e o atacante sacramentou a vitória tricolor por 1 a 0. Na segunda partida, o gol da vitória, também por 1 a 0, virou obra de arte. O voleio contra o arquirrival virou quadro, camisa, e até tatuagem de um grande número de torcedores.

6. No mesmo ano, o gol que coroou o título brasileiro só podia ser marcado por ele, que foi o craque do campeonato. Fred marcou duas vezes na partida contra o Palmeiras, na 35ª rodada, quando o Fluminense garantiu o título antecipado, com a vitória por 3 a 2. Seu primeiro gol abriu o placar do jogo, mas com a partida empatada nos minutos finais, o Tricolor precisava de mais um para se sagrar campeão. Aos 43 minutos da segunda etapa, dos pés de Fred, o gol veio.

7. Definido pelo próprio atacante como um de seus gols mais marcantes, está o diante do Palmeiras, fora de casa, pela semifinal da Copa do Brasil 2015. Fred se sacrificou para jogar a partida. Com dores no joelho, o atacante conseguiu ser o autor do gol que levou a semifinal para os pênaltis. O craque se derramou em lágrimas ao marcá-lo. Este é, sem dúvidas, um dos gols com aspecto emocional mais forte para o camisa 9 Tricolor.

8. Em seu retorno ao clube no ano de 2020, para êxtase da torcida, o ídolo marcou seu primeiro gol logo em um clássico. Foi contra o Vasco, na vitória por 2 a 1 pelo Campeonato Brasileiro, um golaço com chute forte de fora da área. 

9. Seu último gol, até o momento, com a camisa do Fluminense foi recheado de emoção. Na vitória por 4 a 0 contra o Corinthians, pelo Campeonato Brasileiro de 2022, o atacante estava no banco até os 38 minutos do segundo tempo. Era sabido que este seria seu penúltimo jogo com a camisa tricolor. A torcida só queria o prazer de vê-lo em campo e celebrá-lo por toda a carreira e tudo que fez pelo clube. Mas, o atacante foi capaz de oferecer mais do que isso. Aos 45, Fred se posicionou de forma esplêndida, recebeu a bola e mandou para o fundo das redes aquele que foi o seu gol 199 pelo Fluminense. A multidão no Maracanã explodiu. Fred e a torcida, em sintonia, desabaram em lágrimas.

Para saber tudo sobre o Brasileirão, siga o Esporte News Mundo no TwitterFacebook e Instagram.

Futebol