PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Após duas prorrogações, Brasil perde fora de casa diante da Colômbia

Esporte News Mundo (redacao@esportenewsmundo.com.br)

04/07/2022 01h57

Brasil

O Brasil perdeu para a Colômbia de 104 x 98, e assim sua invencibilidade pela eliminatórias Américas da Copa do Mundo 2023, em jogo que teve dois tempos extras, em Barranquilla. A seleção brasileira, que já estava classificada, terminou o grupo B da primeira fase em primeiro com cinco vitórias e uma derrota, seguido de Uruguai com quatro vitórias e duas derrotas, Colômbia com duas vitórias e quatro derrotas e Chile com uma vitória e cinco derrotas. Chile, que foi o último colocado, foi eliminado, enquanto as outras três seleções foram para a fase final.

O jogo

1° tempo

Precisando da classificação, a Colômbia logo abriu 7 x 0  no jogo.  Com um início disperso dos brasileiros e os donos da casa imprimindo um ritmo forte, a Colômbia abriu 10 de frente, forçando o Gustavinho pedir tempo aos quatro minutos no relógio. Com uma defesa frágil  e muito turnovers cometidos pela seleção brasileira, não restou outro resultado a não ser a derrota no quarto. 27 x 19 para a Colômbia.

No segundo quarto, os colombianos continuaram com um bom número de bolas de três convertidas, mas ao poucos o Brasil foi entrando no jogo e com a boa entrada do Bruno Caboclo, o Brasil cortou a vantagem para cinco pontos seguido de pedido de tempo do técnico colombiano.  A seleção colombiana teve vantagem nos rebotes ofensivos, principalmente com Ibarguen que teve sete rebotes no geral no primeiro tempo, fato importante para que a Colômbia continuasse à frente no placar. 48 x 37 antes do intervalo.

2° Tempo

Com uma defesa agressiva imposta pela Colômbia forçando vários erros da equipe brasileira, a Colômbia manteve a liderança no placar durante o terceiro quarto. O Brasil não conseguiu engrenar ofensivamente e com quase o dobro de turnovers cometidos em comparação a Colômbia (13 x 7), o Brasil terminou outro quarto na derrotado no placar. 65 x 55.

Os brasileiros fizeram do último quarto como o melhor da partida e encostou mais na Colômbia no placar. Os comandados de Gustavinho melhoraram a marcação e seguraram o ataque colombiano um pouco, apesar do péssimo aproveitamento nos lances livres, 55%. O jogo terminou em 76 x 76, e foi pra prorrogação.

Prorrogação

Após mais de 40 minutos jogados, o Brasil assumiu a liderança pela primeira vez até a parte final do tempo extra, com Bruno Caboclo sendo o destaque na prorrogação com sete pontos.  A Colômbia valente como foi durante todo o jogo, foi buscar o empate na penúltima jogada da prorrogação. 87 x 87.

Com a Colômbia sedenta pela classificação, os locais abriram 5 x 0 no início da segunda prorrogação, para a partir daí confirmar a vitória e assim a classificação para os colombianos. Ao todo foram cinco jogadores da seleção da Colômbia com mais de 10 pontos e 104 x 98 foi o placar final.

Destaques do Jogo

Colômbia: Juan Tello (26 pontos/ 10 rebotes) e Braian Angola (20 pontos/ 10 rebotes).

Brasil: Bruno Caboclo (22 pontos/ 10 rebotes) e Marcelinho Huertas (27 pontos e cinco rebotes).

Fase Final

A última fase das eliminatórias das Américas serão compostas por dois grupos de seis equipes cada. As três melhores de cada grupo juntamente com o melhor quarto colocado estarão na Copa do Mundo 2023, que será realizado na Indonésia, Filipinas e Japão.

Grupo E: Argentina, Bahamas, Canadá, Panamá, República Dominicana e Venezuela.

Grupo F: Brasil, Colômbia, Estados Unidos, México, Porto Rico e Uruguai.

Futebol