PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Abel Ferreira enaltece o elenco e diz: "Nós éramos muito melhores que nossos adversários"

Esporte News Mundo (redacao@esportenewsmundo.com.br)

25/05/2022 01h31

Após vencer o Deportivo Táchira por 4 a 1 e garantir os 100% de aproveitamento, na noite desta terça-feira (24), no Allianz Parque, o técnico Abel Ferreira cedeu entrevista coletiva. Durante os questionamentos dos jornalistas, o treinador abordou sobre as campanhas anteriores do Verdão, os recordes, a intensidade da equipe e a superioridade do time em relação aos adversários.

Para saber tudo sobre o Palmeiras siga Esporte News Mundo no TwitterFacebook e Instagram.

Durante a coletiva, o treinador português reconheceu a superioridade do time paulista em relação aos seus adversário da fase de grupos: "Nós éramos claramente melhores. Acho que foi por isso que nós éramos muito melhores que nossos adversários. Na minha opinião, foi isso que aconteceu. Nós éramos muito melhores que nossos adversários". O comandante alviverde completou dizendo: "Isso é consequência do trabalho dos jogadores. Trabalho e ambição".

"A equipe é mais ou menos a mesma de quando cheguei aqui. Nós vivemos de títulos. Números são consequências. Temos um objetivo muito claro, muito definido e é para isso que trabalhamos. Esses dados são consequências de tudo que fazemos. Em nenhum jogo dissemos que precisamos bater recordes. A única coisa que peço, é que cada um que entre em campo dê o melhor de si", disse Abel Ferreira sobre os recordes e o desempenho do time".

+Atuações ENM: Com show de Scarpa, Palmeiras bate Táchira e garante os 100% aproveitamento na Libertadores

O técnico palmeirense ainda fez questão de lembrar das campanhas passadas, que terminou com os dois títulos consecutivos do Verdão na competição continental: "Nós no ano passado não fomos a melhor (campanha) e conseguimos fazer uma campanha extraordinária até a final. No ano anterior, todo mundo nos criticava porque a chave era fácil e no seguinte foi totalmente ao contrário, fomos para uma chave mais difícil e conseguimos classificar".

Futebol