PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Conte critica o elenco do Tottenham: 'Longe de ser um time importante'

Antonio Conte, técnico do Tottenham - EFE/EPA/ANDY RAIN
Antonio Conte, técnico do Tottenham Imagem: EFE/EPA/ANDY RAIN

Esporte News Mundo (redacao@esportenewsmundo.com.br)

24/01/2022 08h00

O Tottenham foi facilmente superado pelo Chelsea, no último domingo (23), atuando em Stamford Bridge. Com poucas oportunidades criadas, a equipe de Antonio Conte não fez frente ao adversário, que venceu por 2 a 0 e seguiu consolidado entre os primeiros da Premier League. Para o lado do Tottenham, só sobrou a lamentação de Antonio Conte, que voltou a fazer críticas com relação às opções que tem em seu elenco.

"Para que um time possa ser importante, sempre é necessário que esse time tenha jogadores importantes. Neste momento eu posso dizer que estamos muito longe disso. A nossa briga é por outros objetivos, diferentes daqueles do Chelsea. Esse tipo de estrutura leva tempo, as vezes anos", disse Antonio Conte.

Desde que chegou ao Tottenham, já com a temporada europeia em andamento, o treinador italiano tem cobrado alguns reforços da diretoria. Conte não chegou a montar o elenco da atual temporada, que manteve a base passada e ganhou alguns reforços em cima das decisões do português Nuno Espírito Santo, que iniciou o ano competitivo no clube.

Recentemente Antonio Conte pediu a presença de mais um atacante para poder dar descanso a Harry Kane, que teve um ritmo intenso de jogos durante o final do ano passado e o início deste ano. A diretoria do Tottenham vem monitorando o mercado em busca de opções, mas até o momento nenhum atleta foi anunciado. A janela de transferências do futebol europeu fecha no próximo dia 31 de janeiro.

De acordo com a imprensa italiana, o Tottenham tem estado de olho no marfinense Franck Kessié, do Milan, ainda mais diante de uma iminente saída de Tanguy Ndombélé. Os zagueiros Matthijs de Ligt, da Juventus , e Alessio Romagnoli, do Milan, o meia Marcelo Brozovic, da Inter de Milão, e o atacante Federico Chiesa, da Juventus, também foram nomes colocados na lista do clube inglês.

Esporte