PUBLICIDADE
Topo

Corinthians

Fica ou sai? Luan inicia 3ª temporada no Corinthians sob desconfiança

Jogador tem um salário considerado "vantajoso", o que dificulta uma eventual saída para clubes nacionais - Rodrigo Coca/Agência Corinthians
Jogador tem um salário considerado "vantajoso", o que dificulta uma eventual saída para clubes nacionais Imagem: Rodrigo Coca/Agência Corinthians

Esporte News Mundo (redacao@esportenewsmundo.com.br)

11/01/2022 18h00

Se para o Corinthians é o começo da temporada 2022, para Luan é uma espécie de recomeço, pois o atleta busca recuperar sua boa fase no clube. O meia, prestes a completar 29 anos, parte para sua terceira temporada no Timão - e sem convencer a nação corintiana.

Não há, até o momento, propostas de negociação pelo jogador, o que não significa que não possa aparecer algo consideravelmente agradável para as duas partes até o fim da janela de transferências. Atualmente, o jogador segue focado e comprometido com o projeto do Corinthians, de acordo com pessoas próximas ao atleta.

O meio-campista tem um salário considerado vantajoso, o que dificulta uma eventual saída, por exemplo, para clubes nacionais. Desde a metade do ano passado, a diretoria já cogita uma negociação com times do exterior.

Luan é agenciado por Paulo Pitombeira, empresário que também trabalha com Gabriel e Róger Guedes, tendo também uma boa relação com o presidente Duílio Monteiro Alves. Seu contrato vai até o final de 2023, justamente quando se encerra a gestão do atual presidente do clube.

O atual mandatário foi importantíssimo na contratação do atleta em 2020, tratando o negócio como um desejo pessoal de contar com o futebol do jogador: apresentou o clube, o estádio e cortejou o meia até a assinatura oficial do contrato, tudo isso quando ainda era diretor. Desde lá, naturalmente, a falta de rendimento do meia acabou decepcionando Duílio.

Luan posa com a camisa do Corinthians ao lado de Duílio Monteiro Alves, então diretor de futebol do clube - Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians - Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians
Luan posa com a camisa do Corinthians ao lado de Duílio Monteiro Alves, então diretor de futebol do clube
Imagem: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

Em relação à comissão técnica de Sylvinho, Luan é visto como uma peça para compor o elenco. Não deve encontrar facilidades na briga pela posição de titular, principalmente depois da chegada dos medalhões do elenco atual, como Giuliano, Renato Augusto e Paulinho, três jogadores que ocupam um setor parecido ao que o atleta desempenha na equipe.

Apesar de todas as adversidades, o atleta não será descartado do plantel. Entre os dirigentes, o discurso é que o meia está nos planos para a temporada.

De 2020 para 2021, Luan teve uma queda de minutagem: foi titular em apenas seis das 38 rodadas do Brasileirão do ano passado. Em sua primeira temporada de Corinthians, disputou 44 jogos, com sete gols marcados e três assistências. Ele esteve em campo por 2.628 minutos.

Em 2021, temporada iniciada por Vagner Mancini e terminada por Sylvinho, o jogador fez 33 partidas, com só 1.785 minutos disputados.

Corinthians