PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Lewandowski comenta sobre 'palavras vazias' do discurso de Messi e diz que foi mal interpretado

Esporte News Mundo (redacao@esportenewsmundo.com.br)

07/12/2021 15h05

Após a polêmica da Bola de Ouro, em que Lionel Messi recebeu o prêmio pela sétima vez, Lewandowski, em entrevista para a TV polonesa Kanal Sportswy, disse que gostaria que as palavras de Messi fossem sinceras. Essa fala do atacante do Bayern repercutiu pelas redes sociais e o jogador disse que foi mal interpretado.

Sendo o grande favorito para levar o prêmio em 2020 e um dos favoritos em 2021, Lewandowski disse que se sente triste por não ter levado o prêmio ano passado e não ter vencido este ano: ‘Não posso dizer que eu estava feliz, ao contrário. Eu me senti triste. Por estar tão perto, por competir com Messi, claro que eu respeito como ele joga e o que ele alcançou. O fato é que eu estar apto a competir com ele me mostra o nível que consigo alcançar’.

+ Para saber tudo sobre Futebol Internacional, siga o Esporte News Mundo no Twitter, Facebook e Instagram

Sobre o discurso de Messi, o polonês comentou: ‘Eu não estou tão entusiasmado em receber o prêmio de 2020. Eu gostaria que fosse um sincero e cortês discurso de um ótimo jogador e não só palavras vazias’.

Após essa declaração, o jogador se pronunciou dizendo que houve uma má interpretação de suas palavras, afirmando que nunca quis dizer que Messi não foi sincero: ‘Minha declaração em uma entrevista para a TV polonesa foi mal interpretada. Eu nunca quis expressar que as palavras de Lionel Messi não foram sinceras ou honestas. Ao contrário, as palavras dele no evento de Paris, quando ele disse que eu merecia o Ballon d’Or de 2020, me tocou profundamente e me fez feliz. Eu só quis dizer que eu ficaria feliz se as palavras de Messi fossem ouvidas. Eu respeito muito o Messi e eu quero parabenizá-lo de novo por vencer o Ballon d’Or 2021’.

Ao receber o troféu, Messi fez seu discurso e, em certo momento, dirigiu suas palavras a Lewandowski, dizendo que o jogador deveria ter sido premiado em 2020, ano que a pandemia se intensificou pelo mundo e não houve vencedor do Ballon d’Or: ‘Robert, você merece sua bola de ouro. No ano passado, todos concordaram em dizer que você foi o grande vencedor deste prêmio. Eu acho que a France Football deveria te premiar com o Ballon d’Or de 2020’, disse o argentino.

Grande parte da mídia não concordou com o prêmio de Messi, dizendo que o vencedor deveria ser Lewandowski. Após o evento, alguns jogadores também criticaram o atual modelo de análise dos critérios. Um deles foi Thomas Müller, que disse ser lamentável o que aconteceu na premiação, semelhante ao que aconteceu com Ribéry (o francês foi um dos favoritos a levar o prêmio em 2013). Müller disse que a oportunidade de mostrar novamente a força do futebol alemão será contra o Barcelona. As duas equipes jogarão pela Champions League, amanhã, 7, em Munique.

Futebol