PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Torcida do Fluminense levará pó de arroz para última rodada do Brasileirão contra o Chapecoense, no Maracanã

Esporte News Mundo (redacao@esportenewsmundo.com.br)

01/12/2021 07h00

A torcida do Fluminense foi autorizada a homenagear o clube com pó-de-arroz na última rodada do Campeonato Brasileiro da série A contra o Chapecoense. A festa acontecerá no Maracanã, no dia 9 de dezembro. A informação foi divulgada através do Twitter da torcida organizada "Bravo 52" e conta com a esperança de obter a vaga garantida na Libertadores.

A meta será a compra de 300kg de talco + sacos de papel, no valor total de R$2.500,00. Para que seja possível o apoio ao time com a festa rumo à Libertadores, a torcida organizada divulga um método de arrecadação através de pix e conta com o apoio de todos os torcedores.

+ Fluminense avalia nomes para reforçar a lateral esquerda em 2022

Desde que foi permitida a volta da torcida nas arquibancadas, os torcedores do Fluminense tem sido essencial para dar força aos jogadores do tricolor em campo. O técnico Marcão sempre enfatiza e agradece ao chamado "12° jogador" nas coletivas, que, principalmente no Maracanã, tem dado jus ao nome "torcedor".

Siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook

O apelido "Pó-de-arroz" é aderido ao clube desde 1914 e muitos rivais afirmam, de maneira errônea, que o nome foi originado de maneira racista. Na verdade, o símbolo que mudou a história do futebol brasileiro foi criado no dia 13 de maio de 1914, quando a torcida do América provocou o jogador Carlos Alberto, que havia acabado de trocar o América pelo Fluminense.

Em referência a um produto branco que o jogador utilizava em seu rosto após fazer a barba, a torcida do América passou a gritar "pó-de-arroz" nas arquibancadas. Foi quando a torcida tricolor transformou a ofensa em um dos maiores símbolos do time.

Futebol