PUBLICIDADE
Topo

Cruzeiro

Presidente do Cruzeiro contesta postura do Mineirão: 'Falta isonomia'

Sérgio Santos Rodrigues criticou grupo que pede sua destituição do cargo de presidente do Cruzeiro - Bruno Haddad/Cruzeiro
Sérgio Santos Rodrigues criticou grupo que pede sua destituição do cargo de presidente do Cruzeiro Imagem: Bruno Haddad/Cruzeiro

Esporte News Mundo (redacao@esportenewsmundo.com.br)

08/11/2021 15h58

Na tarde desta segunda-feira (08), Sérgio Santos Rodrigues, presidente do Cruzeiro, concedeu entrevista coletiva na Toca da Raposa. Durante o vídeo, publicado no canal do YouTube do clube, o dirigente se posiciona quanto à situação envolvendo o Mineirão e a ocupação de público para o jogo diante do Brusque-SC, na terça-feira (09).

Para Sérgio Rodrigues, falta isonomia para a administração do estádio, que permitiu 100% da ocupação em dois jogos do Atlético-MG (diante de Grêmio e América-MG). O mandatário celeste ainda reforça que fará de tudo para conseguir a liberação, uma vez que enxerga que o torcedor foi lesado.

— O sentimento que a torcida está, é o mesmo que a gente está. Revolta profunda, indignação com a atitude que está sendo feita junto ao Cruzeiro, de falta de isonomia. (…) A gente acha até que cabem providências a serem tomadas no Tribunal de Contas do Estado, ali está claro que todas as entidades devem ser tratadas de forma igual, o que aconteceu foi que no dia 03 de novembro o nosso rival já jogou com a capacidade acima do normal. A gente gostaria da isonomia. (…) A gente vai buscar, até o último momento, fazer esse jogo com mais público.

Em outro momento, o presidente do Cruzeiro comenta que já iniciou o planejamento para a próxima temporada. Com as chances de acesso e rebaixamento praticamente nulas na Série B do Campeonato Brasileiro, segundo Sérgio Santos Rodrigues, alguns pontos importantes já estão sendo discutidos e não há necessidade de esperar a implementação da Sociedade Anônima do Futebol (SAF), segundo ele, prevista para dezembro.

— Não tem que esperar a SAF (Sociedade Anônima do Futebol), não, até porque a SAF já é uma realidade praticamente. (…) É claro que o nosso 2022 já começou, até porque temos esses jogos finais para analisar muitos jogadores. O Vanderlei (Luxemburgo) tem usado muitos jovens, como o próprio Vanderlei já falou, a gente já está apalavrado para o ano que vem (renovação de contrato). (…) Pode ter certeza que o planejamento nosso já começou.

Cruzeiro