PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Análise: Cardinals e Packers fazem duelo de playoffs ainda na temporada regular

Esporte News Mundo (redacao@esportenewsmundo.com.br)

28/10/2021 11h18

Murray vs Rodgers. O Thursday Night Football de hoje entre Arizona Cardinals (7-0) e Green Bay Packers (6-1) coloca frente a frente duas franquias com grandes chances de playoffs na NFC. De um lado, Kyler Murray joga em casa para manter a invencibilidade e continuar se consolidando na briga de MVP. Do outro, o atual ganhador do prêmio, Aaron Rodgers, vem de uma sequência de seis vitórias seguidas e quer mostrar porque levou seu time às duas últimas finais de conferência. O jogo acontece às 21h (de Brasília).

A grande notícia sobre a partida é a ausência do WR Davante Adams, estrela dos Packers, que testou positivo para o coronavírus na segunda-feira. Além dele, o WR Allen Lazard também está fora por ter tido contato com Adams. Mesmo não tendo testado positivo, precisa se afastar já que optou por não se vacinar. Do lado de Arizona, a notícia ruim fica por conta da triste lesão do pass rusher J.J Watt, que deve perder o resto da temporada com uma cirurgia no ombro.

O ânimo nos Cardinals, no entanto, é dos melhores no momento. Afinal, o time é o único invicto e teve vitórias relevantes contra times considerados postulantes. Além disso, a volta do EDGE Chandler Jones da lista da covid-19 é uma grande notícia, principalmente com a lesão de Watt. É fundamental que Arizona consiga apressar o passe de Aaron Rodgers no jogo de hoje. Seu passer rating é o 2º melhor quando tem o pocket limpo, e o 2º pior quando pressionado até aqui na temporada. Markus Golden, que tem 4 sacks nos últimos dois jogos e 6 no ano, precisará aparecer novamente nessa partida e aparentemente pro resto da temporada.

Outra chave do jogo para os Cardinals é tentar explorar a secundária de Green Bay, que está sem o CB All-Pro Jaire Alexander. O CB calouro de 1ª rodada, Eric Stokes, vem tendo atuações dignas até aqui, mas Deandre Hopkins é mais que capaz de tirar proveito da situação. Além disso, os Packers não tem grande variedade e profundidade na posição de corner, o que pode favorecer outros WRs do time de Kliff Kingsbury.

A atuação da defesa de Green Bay na red zone é outra questão para ter em mente. O time, até o jogo da última semana, havia permitido um touchdown em 100% dos drives que chegaram até essa posição de campo. Veremos como a equipe se comporta tendo que enfrentar Kyler Murray e cia.

Sem dúvida será um grande desafio para Matt Lafleur. Entretanto, nas últimas três temporadas, o retrospecto dos Packers é 6-0 nos jogos em que Rodgers esteve sem Davante Adams. Obviamente isso não quer dizer que Green Bay é melhor quando está sem seu principal WR. Adams, além da conexão única com seu QB, é o cara responsável por chamar atenção da defesa, deixando outras peças do ataque no 1 contra 1. Então, qual deve ser a estratégia dos Packers se quiserem tentar vencer esse jogo?

Siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook

A primeira resposta é óbvia: insistir no jogo corrido e no envolvimento dos running backs no jogo aéreo. Foi assim que Lafleur fez anteriormente em alguns jogos sem Adams, e deve ser o passo número um na partida de hoje. Além disso, os Cardinals vem se mostrando vulneráveis na defesa terrestre. Fazendo uma média, a cada seis corridas adversárias, uma se torna uma big play para mais de 20 jardas.

Nesse contexto, Aaron Jones e A.J Dillon precisam estar fortemente envolvidos no plano de jogo. Será difícil Green Bay fazer qualquer coisa se estes não estiverem em um dia bom. O jogo corrido é fundamental para a implementação do play-action e assim tirar melhor proveito do jogo aéreo. Um time que está sem seu WR1 precisa conseguir usufruir disso. Marquez Valdes-Scantling, se for para a partida, será a ameaça profunda. Já Randall Cobb deve ser o cara de confiança de Rodgers em bolas de segurança. A secundária de Arizona, mesmo promissora, é jovem e pode ceder algumas jogadas.

O confronto, mesmo que ainda na semana oito, é daqueles que influenciam mandos de campo na pós-temporada. Por mais que o jogo tenha alguns desfalques de peso, provavelmente veremos uma ótima partida de futebol americano. Será que os Packers, atuais finalistas da conferência nacional, vão conseguir quebrar a invencibilidade dos Cardinals? Ou será que Kyler Murray fará de Green Bay mais uma vítima?

Futebol