PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Membros da comissão técnica de Carille entram com ações na justiça cobrando R$ 1,2 milhão do Corinthians

Esporte News Mundo (redacao@esportenewsmundo.com.br)

20/10/2021 18h08

Em suma, o Corinthians virou réu em mais uma ação judicial. Assim, três membros da comissão técnica de Fábio Carille entraram com ações contra o clube na Justiça de Trabalho. Desse modo, os valores somam R$ 1,2 milhão ao Timão

A princípio, os processos estão sendo movidos pelo preparador físico Walmir Cruz, o auxiliar Leandro da Silva, apelidado de Cuca, e o analista de desempenho Denis Lupp. As cobranças foram divulgadas pelo portal "Uol"

Portanto, os três profissionais alegam que os valores correspondem a premiações e ao Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS). Além disso, são cobradas multas referentes atrasos no pagamento da rescisão, fora juros e correção monetária. 

Siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook.

Passagem pelo Corinthians

O trio trabalha atualmente no Santos, junto de Fábio Carille, e os processos foram abertos na última sexta-feira (15). O primeiro pede R$ 502 mil, o segundo R$ 521 mil e o terceiro R$ 230 mil. No Corinthians, foram campeões do Brasileirão 2017 e do tricampeonato do Paulistão em 2017, 18 e 19. 

Em 184 jogos, a comissão técnica de Carille teve 86 vitórias, 57 empates e 41 derrotas, divididos em duas passagens. Na 6ª colocação com 40 pontos, o Corinthians entra em campo no domingo, às 16h, no Beira-Rio, contra o Internacional pelo Campeonato Brasileiro Série A

Vale ressaltar, que Sylvinho não vai poder contar com João Victor que está suspenso após receber o terceiro cartão amarelo no Majestoso contra o São Paulo. Assim, a ideia do técnico é escalar Xavier ao lado de Gil na zaga. 

Futebol