PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Grêmio muda postura e descobre novo caminho na briga contra o rebaixamento

Esporte News Mundo (redacao@esportenewsmundo.com.br)

18/10/2021 06h30

O Grêmio venceu o Juventude por 3 a 2, na Arena do Grêmio, pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro. Desse modo, o tricolor gaúcho chegou aos 26 pontos e ganhou novo ânimo no Brasileirão. Além disso, houve uma mudança de postura dentro do elenco que parece ser um bom caminho a traçar na briga contra o rebaixamento.

Embora Vagner Mancini não tenha tido tempo para impôr suas ideias – treinou apenas duas vezes o elenco – disse em sua apresentação que iria sempre buscar um time ofensivo. As palavras do técnico foram vistas dentro de campo, com o Grêmio buscando um jogo propositivo, buscando aproximação e construção nas jogadas, algo que não se via no tricolor há alguns meses.

Além da busca pela manutenção da posse de bola, abdicando do modelo mais reativo que Felipão vinha implantando, o tricolor também soube usar a arma da bola aérea. Muitas vezes vimos o Grêmio não tendo nenhuma construção de jogadas e utilizava do recurso como “jogada ofensiva”, tentando pressionar no abafa. Na partida contra o Juventude foi diferente. A equipe não jogou a bola na área apenas por jogar, envolvia o adversário em troca de passes, tentando confundir o balanço, e então usava o artifício. Dois dos três gols da equipe de Vagner Mancini surgiram desta maneira.

Diego Souza voltou a marcar e segue como artilheiro do Grêmio na temporada – Foto: Lucas Uebel/Grêmio

Para saber tudo sobre o Grêmio, siga o Esporte News Mundo no Twitter, Facebook e Instagram.

Os números do jogo

Apesar de um começo nervoso, a partir do momento que o Grêmio fez o primeiro gol, conseguiu explorar mais seu potencial. O tricolor terminou a primeira etapa com 65% de posse de bola e com oito finalizações, contra apenas uma do Juventude. A equipe gremista demonstrou grande segurança e domínio na primeira etapa.

No segundo tempo, depois de fazer o terceiro gol e, logo em seguida, sofrer o desconto pela equipe do Juventude, Vagner Mancini modificou a equipe. Sacou Jean Pyerre, que fez uma boa partida e ajudou no controle da posse de bola, para dar lugar a Ferreira. A mudança visava explorar, apenas no último terço do jogo, os contra-ataques. Contudo, foi uma decisão que demonstrou um pouco arriscada, tendo em vista que a equipe visitante tomou o controle do jogo e ainda fez o segundo gol, aos 48 minutos do segundo tempo.

Ou seja, Vagner Mancini conseguiu fazer o Grêmio voltar a atuar bem, por pelo menos 60 minutos. Tal futebol do Grêmio, pautado em paciência e construção, não se via há algum tempo na equipe. Os jogadores demonstraram terem potencial para reverter a situação adversa que a equipe se encontra. Além do mais, com o teste de duas formas de entender o jogo dentro da mesma partida, sendo parte propositiva e outra reativa, também trouxe uma visão do que se encaixa melhor com o elenco.

Futebol