PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Praia Clube é campeão e Brasília vence no Campeonato Mineiro de Vôlei

Esporte News Mundo (redacao@esportenewsmundo.com.br)

16/10/2021 21h34

Neste sábado(16), o Brasília venceu a jovem equipe do Sada por 3 sets a 1 (25/14, 25/18, 23/25 e 25/12) e encontrou sua primeira vitória no Campeonato Mineiro de Vôlei feminino. O Praia Clube também superou o Itambé Minas em um clássico de muita rivalidade. O placar terminou em 3 a 0 e o Praia se sagrou como campeão

SIGA O ESPORTE NEWS MUNDO NO TWITTERINSTAGRAM E FACEBOOK. E NÃO SE ESQUEÇA DE SE INSCREVER NO NOSSO CANAL NO YOUTUBE!

Sada/Tambasa/Argos 1 x 3 Brasília Vôlei

O Brasília Vôlei não desperdiçou a chance de encerrar o Campeonato Mineiro feminino de vôlei com, pelo menos, uma vitória. No primeiro jogo do dia, o time do Distrito Federal, venceu o Sada, na Arena Minas. Apesar da derrota, o time do Sada foi guerreiro e conseguiu incomodar as adversárias.

O único set vencido foi muito comemorado pela equipe mineira, já que o Brasília possui um grupo mais estruturado e que em breve, irá disputar campeonatos na elite do vôlei brasileiro. Em contrapartida, o Sada possui um elenco com atletas que ainda estão nas categorias juvenil e infanto. 

“Estamos felizes pela oportunidade que estamos tendo ao fazer os primeiro jogo na categoria adulta. Estamos jogando contra meninas que são inspirações. Apesar destes resultados, estamos felizes e sabemos que também conseguimos fazer coisas boas. Nosso foco está nos treinos e em nossa evolução. Queremos crescer mais, tanto individual quanto coletivamente”, disse Juliana, central da equipe mineira.

Itambé Minas 0 x 3 Dentil/Praia Clube

Na decisão do Campeonato Mineiro de Vôlei Feminino, no clássico entre as duas grandes equipes favoritas ao título, o Praia Clube venceu o Minas com tranquilidade. A vitória por 3 a 0 (25/20, 25/17 e 25/22) foi a terceira em três jogos durante a competição, resultado que exclui as chances do rival, o qual tem um jogo a menos devido aos casos de covid, a disputar o troféu.

O Minas cometeu muitos erros durante todo o jogo e pareceu sem entrosamento. Nos primeiros sets, 19 falhas foram cometidas, contra oito do Praia. As jogadoras: Oszoy, Pri Daroit, Cuttino e Pri Heldes ficaram 15 dias afastadas por conta do covid e, por isso, não estavam nas melhores condições físicas e técnicas.

O duelo que sempre teve muito equilíbrio, dessa vez foi diferente. A equipe de Uberlândia ficou a maior parte do jogo em vantagem no placar, fazendo uma partida solta, equilibrada e explorando suas forças individuais.

O Minas ainda tem seu último jogo pelo Campeonato Mineiro no dia 1º de dezembro contra o Sada somente para cumprir tabela.

Agora, os dois times voltam a se enfrentar nesta segunda-feira(18), em Brusque (SC), na final da Supercopa. 

Futebol