PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Atacante do CSA é alvo de racismo após partida contra Cruzeiro

Esporte News Mundo (redacao@esportenewsmundo.com.br)

27/09/2021 17h43

Na última rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, o CSA derrotou o Cruzeiro por 2 a 1. Entretanto, um caso lamentável de racismo aconteceu após a partida: Iury Castilho, atacante do time alagoano e autor de um dos gols no jogo, foi alvo de racismo através de suas redes sociais. Em seu Instagram, o jogador prometeu tomar as medidas cabíveis.

Leia também: Situação do Cruzeiro na Série B ganha repercussão internacional

A motivação do crime teria sido a comemoração do gol do jogador. Em alusão a um episódio que aconteceu em 2019, ano do rebaixamento do Cruzeiro, para festejar a virada na Arena Independência, Iury teria dito “Fala, Zezé”, como se estivesse ao telefone. A celebração é uma provocação ao ocorrido entre Thiago Neves e Zezé Perrella, quando o jogador pediu, por telefone, para que o dirigente tentasse quitar os atrasos salariais.

Em sua conta no Instagram, o atacante tornou públicas as ofensas. Entre os xingamentos de um torcedor celeste, estão palavras como “macaco” e palavrões. Confira o vídeo gravado pelo próprio atleta:

Em contato com a equipe do Globo Esporte, em Alagoas, o atacante do Azulão disse que o caso é “abominável” e cobrou respeito. Veja:

— Nós temos que denunciar qualquer que seja a atitude racista de um ser humano. É abominável. Quando recebi as mensagens, só lembrei de tudo que fiz e lutei para chegar até aqui. Sou preto com muito orgulho. Abençoado. Feliz com tudo que construí. Só tenho a lamentar por essas pessoas. São uns coitados. Não vou me vitimizar, não. Não preciso disso. Só cobrarei respeito. Minha vida é marcada por lutas, derrotas e muitas vitórias.

Futebol