PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Time Europa abre 2 a 0 no 1° dia da Laver Cup com vitórias de Casper Ruud e Mateo Berrettini

Esporte News Mundo (redacao@esportenewsmundo.com.br)

24/09/2021 20h25

Nesta sexta-feira (24) começou a 4ª edição da Laver Cup, em Boston nos Estados Unidos, direto do TD Garden, casa do Boston Celtics da NBA. O torneio que reúne os melhores jogadores da Europa contra o Mundo em dois times com sete atletas cada. Idealizado em parceira do empresário Tony Godsick e a lenda Roger Federer, o evento terá três dias de competição: sexta (24) e sábado (25) terão duas sessões (diurna e noturna), enquanto o domingo (26) fechará o torneio com uma sessão única.

Na sessão de abertura da tarde de hoje, o norueguês  # 10 Casper Ruud, representado o Time Europa encarou o norte-americano #19 Reilly Opelka, pelo Time Mundo. O último confronto entre eles foi no Masters 1000 de Cincinnati desse ano com vitória para o europeu por 2 sets a 1, com parciais de 6/7 (5/7 tie break), 6/0 e 7/6.

Ruud venceu com tranquilidade o primeiro set. O norueguês conseguiu o break point no terceiro game com mais de cinco minutos de duração, depois anotou nova quebra no oitavo game, com outro longo período em quadra, seis minutos. O tenista que dominou o circuito de saibro com quatro títulos (Genebra, Bastad, Gstaad e Kitzbuhel) fechou o set na sequência com 40-15 no placar, Opelka salvou o primeiro set point e no ponto seguinte mandou um smash para fora, 6-3.

No segundo set, Opelka endureceu mais o jogo, Rudd chegou a conseguir o break point no terceiro game com um 40-0, mas o norte americano venceu os últimos dois games para forçar o super tie break, 7 a 6. O norueguês teve o mini break no quarto game para abrir 3 a 1, o número #19 diminuiu para 4 a 3, mas o europeu fez os últimos três pontos e fechou o jogo por 7 a 3 após Opelka salvar o primeiro match point, com uma devolução na rede. Com o resultado, o Time Europa conquistou um ponto e abriu 1 a 0 na competição.

No segundo jogo que encerrou a sessão diurna em Boston, #7 Matteo Berrettini reencontrou o canadense #11 Felix Auger Aliassime, após vencê-lo nas quartas de final em Wimbledon por 3 sets a 1 com parciais de 6/3, 5/7, 7/5, 6/3 e depois ter levado o troco em Cincinati por 2 sets a 0 com parciais de 4/6 6/3. No terceiro jogo entre eles, nova vitória italiana, 2 sets a 1, parciais de 6/7 (3/7 no tie break), 7/5, 10/8 no super tie break.

Diferente da partida anterior, o primeiro set teve emoção até o fim. Nos dois primeiros games, os dois tenistas confirmaram com tranquilidade seus serviços. Mas já no sexto game o jogo esquentou, com mais de 12 minutos, Aliassime salvou quatro break points e com uma esquerda na rede do italiano, o canadense abriu 4 a 2. O #11 do mundo teve cinco sets points e desperdiçou todas e recolocou o europeu no set que levou para o tie break confirmando seu serviço com um ace.

No tie break, Aliassime abriu tendo uma mini quebra logo no começo, 2 a 1 depois controlou bem a frente e fechou em 7 a 3 com uma direita que pegou no lado da raquete do Berrettini mandando a bolinha no teto do ginásio.

No segundo set, foi a vez do número 7 do mundo quebrar o serviço do seu adversário logo cedo em um ótimo terceiro game de mais de 8 minutos. Aliassime chegou a salvar o seu serviço três vezes, o último com um smash que cravou na quadra, mas Berretini respondeu em alto nível com sua principal arma, o ace, 2 a 1.

Tivemos jogadas espetaculares na sequência. No sétimo game, Aliassime acelerou uma linda direita no pé do italiano que mandou a devolução na rede para abrir 4 a 3. Berrettini devolveu no 5-4 com um slice espetacular no pé para deixar 40-40 e depois confirmar o serviço. No game seguinte, o tenista da equipe Mundo salvou dois break points, o primeiro com uma direita no contra-pé e a segunda uma bela aproximação na rede para definir no voleio. O cabeça de chave #7 forçou o decisivo super tie break com um belo lob colocado no canto e a devolução indo para fora.

Aliassime conseguiu uma mini quebra já no terceiro game do set derradeiro, Berrettini se recuperou buscando o empate, mas o canadense com uma bela aproximação fechando a rede no voleio e um erro não forçado na direita cruzada do europeu, o jogador do time Mundo abriu 5 a 3. Mas acabou perdendo a cabeça depois cometendo uma dupla falta empatando o tie break em 5 a 5. Ele voltou a ficar a frente por dois pontos, 7 a 5 e deixou novamente o italiano encostar 8 a 8. Berretini chegou ao match point com uma cruzada para fora de Aliassime e fechou a partida com uma linda cruzada de direita em 6-6, (10-8). Os europeus largaram muito bem em busca do tetra campeonato com 2 a 0.

Futebol