PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Ariane Lipski comemora vitória no UFC Vegas 37 e se coloca à disposição para lutar em dezembro

Esporte News Mundo (redacao@esportenewsmundo.com.br)

22/09/2021 13h35

Ariane Lipski voltou a vencer no último final de semana pelo UFC, derrotando a alemã Mandy Böhm numa atuação dominante e que agradou bastante a brasileira, conforme ela revelou na coletiva pós-UFC Vegas 37.

A peso-palha paranaense comemorou o resultado e sua atuação contra a alemã. Para a ‘Rainha da Violência’, o que foi demonstrado no octógono contra Böhm é um sinal de que vem evoluindo desde sua chegada ao Ultimate e que os treinos na American Top Team (ATT) tem sido bastante proveitosos para poder afinar suas habilidades.

LEIA MAIS

+ Exclusivo: Ariane Lipski fala da próxima luta, volta por cima no UFC e do início da carreira

– Sinto que esperei por este momento. Sinto que poderia mostrar tudo o que melhorei. Estou feliz com meu desempenho esta noite. Sinto que estou ganhando experiência, tenho lutado com as mais duras da categoria desde que cheguei ao UFC. E isso só tem me dado confiança – declarou Lipski.

– A Mandy é durona, mas não desisti. Ela estava tentando lutar, tentando sobreviver. Eu não queria ter pressa ali. Queria o nocaute, mas procurava também não me esquecer do resto e só queria o nocaute. Estava tentando controlar a distância e fazer tudo certo. Ela é durona, eu sabia – completou a brasileira.

E Ariane Lipski já se coloca à disposição do UFC para mais uma luta ainda em 2021. A paranaense mira voltar ao octógono em dezembro, sem ainda rival desejada. Mas querendo se manter ativa nesta temporada.

– Quero voltar o mais rápido possível. Em dezembro, se eu tiver a oportunidade. Não tenho nome de adversária, mas sou o tipo de adversária que melhora quando estou lutando – afirmou.

Futebol