PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Meio campista do São Paulo deve ficar de fora dos relacionados contra o América-MG; saiba

Esporte News Mundo (redacao@esportenewsmundo.com.br)

21/09/2021 21h39

O São Paulo não deve contar com um de seus recém-contratados na partida desta quarta-feira (22) diante do América-MG, às 20h30 (horário de Brasília), no Morumbi, em partida atrasada válida pela 19ª rodada do Campeonato Brasileiro. O meio campista Gabriel Neves não deve ser relacionado.

Isso porque o técnico Hernan Crespo só poderá levar para a partida cinco estrangeiros nas competições da Confederação Brasileira de Futebol e dessa maneira, o camisa 15 da equipe será poupado para realizar atividades técnicas e físicas, segundo ge. A ideia da comissão técnica do Clube é que o meio campista treine para atingir sua melhor condição física.

Gabriel estreou com a camisa do São Paulo no domingo (13), na derrota por 2 a 1 diante do Fluminense, no Maracanã. O jogador entrou no lugar de Igor Gomes na segunda etapa da partida, acertando 27 dos 29 passes que tentou (93%), com um cruzamento preciso, três duelos ganhos no chão e um duelo aéreo ganho, segundo o sofascore.

Gabriel Neves em sua estreia pelo São Paulo contra o Fluminense | Foto: Rubens Chiri / saopaulofc.net

Os outros jogadores gringos que estarão à disposição de Crespo devem ser: Arboleda, Galeano, Rigoni, Benítez e Calleri. Desses cinco, os três primeiros provavelmente serão titulares contra o Coelho.

+ Para saber tudo sobre o São Paulo, siga o Esporte News Mundo no Twitter, Facebook e Instagram

Outros desfalques para a partida desta quarta-feira são: Igor Vinicius (preservado devido ao inchaço no olho), Léo (suspenso pelo terceiro cartão amarelo) Wiliam (lesionado) e Orejuela.

Veja a provável escalação do São Paulo para enfrentar o América-MG: Tiago Volpi, Galeano, Arboleda, Miranda e Reinaldo; Luan, Liziero, Rodrigo Nestor e Gabriel Sara; Rigoni e Luciano.

O São Paulo está na 12ª posição com 25 pontos. Vencendo a partida desta quarta-feira, poderá pular para a 9ª colocação, se afastando cada vez mais da zona de perigo na tabela do Brasileirão.

Futebol