PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Guilherme Mantuan cobra R$ 533 mil do Corinthians

Esporte News Mundo (redacao@esportenewsmundo.com.br)

21/09/2021 09h00

De antemão, o Corinthians foi acionado na Justiça do Trabalho após o volante Guilherme Mantuan entrar com uma ação contra o clube na última sexta-feira (18). Desse modo, o Cria do Terrão cobra R$ 533 mil do Timão.

Atualmente com 24 anos e atuando no Gil Vicente (POR). Ele é irmão mais velho do meia-atacante Gustavo Mantuan, que compõe o elenco profissional do Corinthians na atual temporada. Os valores cobrados são em relação a direitos de imagem, verbas rescisórias e Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS), fora multa e honorários advocatícios. Seus representantes legais na ação são os irmãos Filipe e Thiago Rino

De acordo com o jogador, o Alvinegro deixou de pagar as parcelas restantes do acordo assinado em agosto do ano passado, quando Mantuan deixou o clube, das quatros combinadas, o Corinthians quitou duas. Revelado na base do Timão, Guilherme subiu para o time profissional em 2017, conquistando naquele ano o Campeonato Brasileiro. Na temporada seguinte, foi campeão paulista.

Siga o Esporte News Mundo no Twitter, Instagram e Facebook.

Ao todo, foram 28 jogos com a camisa do Corinthians, atuando como volante, lateral e meia. Porém em 2019, ele acabou sendo emprestado à Ponte Preta e, em 2020, ao Oeste de Barueri. Desse modo, quando voltou ao Parque São Jorge foi avisado que não fazia parte dos planos da comissão técnica e acabou sendo liberado para o clube português.

Guilherme Mantuan oficializado no Gil Vicente, de Portugal. Foto: Reprodução/Instagram

Vale ressaltar que o Corinthians ainda não foi notificado do caso. Por outro lado, tem sido recorrente as cobranças judiciais no clube. Assim, o último processo foi do volante Camacho, que há pouco, acabou sendo liberado para jogar no Santos. O atleta alega ter cerca de R$ 1 milhão a receber do Timão.

O Corinthians segue em preparação para o Dérbi na próxima semana, pelo Campeonato Brasileiro Série A. O momento da equipe é conturbado, e assim, o técnico Sylvinho chega pressionado para o embate diante do maior rival, Palmeiras.

Futebol