PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Cowboys vencem Chargers com field goal no apagar das luzes

Esporte News Mundo (redacao@esportenewsmundo.com.br)

19/09/2021 21h41

Se na Semana 1 os torcedores do Los Angeles Rams estrearam o SoFi Stadium em um jogo de temporada regular, neste domingo (19) foi a vez dos fãs do outro time da cidade dos anjos. Porém, com um desfecho diferente, a torcida dos Chargers viu a vitória do Dallas Cowboys por 20 a 17, em um embate de equipes com propostas parecidas, mas que o resultado premiou a que errou menos.

A principal narrativa antes da bola oval rolar era como os quarterbacks Dak Prescott (Cowboys) e Justin Herbert (Chargers) se comportariam contra duas das piores defesas da última temporada. Dallas, com a 5ª unidade defensiva que mais cedeu pontos em 2020, realizou um Draft ultradefensivo em 2021, sendo defensores 8 dos 11 jogadores selecionados. Já os Chargers, donos da 10ª pior defesa na temporada passada, trouxeram Brandon Staley dos Rams, coordenador defensivo da unidade que menos cedeu pontos em 2020, para ser head coach. Mas este jogo mostrou uma proposta ofensiva de ambas as equipes, embora não tenha sido de ataques explosivos e placares elásticos.

O primeiro quarto começou com os Cowboys “criando gordura” para a reta final do jogo. 7 a 0 no primeiro drive do jogo, seguido de duas interceptações (Herbert e, em seguida, Prescott) e com os Chargers recuperando a bola para o drive que resultou no primeiro field goal do jogo: 7 a 3. Ainda deu tempo para mais um touchdown no primeiro quarto, resultando em 14 a 3 para os visitantes.

No segundo quarto, as únicas pontuações foram o touchdown dos Chargers e a conversão dos dois pontos, visando uma possível recuperação de bola a favor dos Bolts (que de fato aconteceu, após um turnover on downs de Dallas) e empatar antes do halftime, mas nada feito, pois o kicker Tristan Vizcaino errou um chute de 43 jardas faltando 3 segundos para o fim do tempo, e o placar continuava a assinalar 14 a 11 na metade do jogo. Um dado aleatório apresentado pela CBS americana durante a transmissão é que foi a primeira vez que um jogo foi para o intervalo com o placar parcial de 14 a 11.

Para o segundo tempo, houve pouco destaque ofensivo. Na metade do 3º quarto, os Chargers empataram e, em seguida, forçaram os Cowboys a darem o primeiro punt do jogo. No drive que iniciou com os donos da casa recebendo punt, o quarterback Justin Herbert foi interceptado pelo safety Damontae Kazee na endzone dos Cowboys, resultando num touchback e posse para Dallas.

Siga o Esporte News Mundo no TwitterFacebook e Instagram.

No último quarto, um field goal para cada lado foi o que manteve o empate em 17 a 17 até os últimos 4 segundos de partida. Mas no drive que resultou no FG dos Chargers houve uma decisão polêmica da equipe de arbitragem, que trabalhou bastante na partida: um illegal shift contra o ataque dos Chargers resultou na anulação do touchdown que seria o da virada, mas nas jogadas seguintes não conseguiram entrar na endzone dos Cowboys e tiveram que se contentar com o empate mesmo. E então, no último drive do jogo, o quarterback Dak Prescott conduziu sua equipe para uma campanha de 49 jardas e posicionou, assim, a bola para que o kicker Greg Zuerlein realizasse um chute de 56 jardas e desse a vitória aos Boys.

Combinados, Cowboys e Chargers tiveram hoje 827 jardas totais, sendo 534 jardas passadas e 293 jardas corridas. Além dos dados ofensivos, os árbitros tiveram que arremessar a flag amarela por 20 vezes no campo, ou seja, as faltas assinaladas também ajudaram a inflacionar as estatísticas de ataque, seja beneficiando devido a interferências de passe, seja prejudicando por erros de linemen nas trincheiras.

Agora ambos estão com campanhas iguais na temporada: 1 vitória e 1 derrota. Para os Cowboys, fica o sentimento de recuperação pós derrota no kickoff, que foi do mesmo jeito da vitória de hoje (com um field goal no apagar das luzes). Para os Chargers, a perspectiva ainda é de muita reconstrução defensiva, pois, mesmo com o atual vencedor do prêmio de calouro ofensivo do ano (Justin Herbert, quarterback), o sonho de disputar o Super Bowl LVI em casa parece ser cada vez mais distante.

Na próxima semana, o Los Angeles Chargers (1-1) visita no próximo domingo (26) o Kansas City Chiefs no Arrowhead Stadium, às 14h (horário de Brasília). Já o Dallas Cowboys (1-1) recebe no AT&T Stadium o Philadelphia Eagles, no Monday Night Football do dia 27 de setembro, às 21:15 (horário de Brasília).

Quer ficar por dentro de tudo dos esportes americanos? Siga o Podcast Timeout no Spotify!

Futebol