PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Auxiliar destaca tranquilidade para reagir e pede calma: "Falta muita coisa ainda"

Esporte News Mundo (redacao@esportenewsmundo.com.br)

19/09/2021 00h36

Mais uma vez à beira do campo, o auxiliar Luís Fernando Flores substituiu com louvor o técnico Enderson Moreira (que cumpria suspensão) e conseguiu mais um êxito como comandante do Botafogo. O alvinegro carioca venceu de virada o Náutico por 3 a 1 na tarde deste sábado (18) em confronto válido pela 24ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

Com dois gols de Rafael Navarro e um de Luis Oyama, o Botafogo venceu mais uma batalha importante, abriu seis pontos de vantagem para o quinto colocado e começa assim a criar a famosa "gordura" no G4. Luís Fernando exaltou a maturidade da equipe de saber reverter o placar adverso, mas freou qualquer possibilidade de comemoração antecipada.

"Time mostrou maturidade, soube ter tranquilidade para buscar o resultado, contra um grande adversário. O Náutico ficou 12 rodadas na liderança, saberíamos que seria um jogo difícil. Falta muita coisa ainda, tem muitos jogos, tem mais um jogo muito difícil contra o CSA e temos que estar ligados e focados para conseguir mais um resultado", Destacou Luís Fernando.

O Auxiliar Técnico do Botafogo ainda pontuou que cada passo dado, a responsabilidade e a pressão aumentam.

"A responsabilidade cada vez aumenta mais. Continuamos o G-4 e os adversários vem para cima do Botafogo com tudo. Nosso principal objetivo é o acesso, a partir daí vamos pensar em algo diferente, quem sabe o título. Claro que queremos o título, mas o foco é o acesso. Falta muito ainda, vamos continuar trabalhando com os pés no chão, jogo a jogo"

Confira outros destaques da coletiva de Luís Fernando Flores:

Rafael estreia quando?

"Rafael está fazendo um período de readaptação, está treinando mais a parte física aos poucos. A gente sabe que é um jogador importantíssimo, vai nos ajudar muito, mas temos tido tranquilidade com ele para ele vir no momento certo. Assim como ele vai nos ajudar, ele vai ser um jogador muito cobrado pela qualidade que tem.

Então, ele tem que estar bem, tem que estar inteiro, bem preparado para, se Deus quiser, corresponder às expectativas de todo mundo. Estamos tendo calma com ele. Vocês podem ficar tranquilos que, no momento certo, ele vai vir e, com certeza, nos ajudar muito"

A força do elenco alvinegro

"O Kayque às vezes nem no banco aparece, mas sabemos que podemos contar com ele que ele dará conta do recado. Ele entrou bem, teve outros jogadores também. O Botafogo é um elenco de 30, 34 jogadores com todos em condições de ajudar. Confiamos em todo mundo."

O Botafogo volta a campo na próxima quinta-feira (23), às 19h no horário de Brasília para o confronto contra o CSA, no Estádio Rei Pelé em Maceió, em duelo válido pela vigésima quinta rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

Futebol