PUBLICIDADE
Topo

Copa América - 2020


Novo técnico do Equador, Jordy Cruyff cita sonho de "viver a Copa América"

"Copa América é diferente pela paixão pelo futebol nesta parte do mundo", afirmou treinador holandês - Rodrigo Buendia/AFP
"Copa América é diferente pela paixão pelo futebol nesta parte do mundo", afirmou treinador holandês Imagem: Rodrigo Buendia/AFP

Da EFE, em Quito (Equador)

17/01/2020 19h43

Na primeira entrevista concedida após assumir o cargo de técnico do Equador, o holandês Jordy Cruyff, filho de Johan Cruyff, afirmou hoje que ainda sonhava em viver a paixão e a "loucura" de uma Copa América.

"Eu me sinto atraído pela ideia de viver uma Copa América com toda a emoção e tudo o que se respira no futebol nesta parte do mundo, que é especial, muito extremo", disse o treinador à Agência Efe em cerimônia que contou com a participação do presidente equatoriano, Lenín Moreno.

Segundo Jordy Cruyff, a Copa América sempre foi "um atrativo que precisava viver".

"Em minha carreira, tive a sorte de jogar quatro anos no Campeonato Inglês, que também é um desses sonhos de jogadores de futebol. Como treinador, também sonho com uma Copa do Mundo, mas a Copa América é diferente pela paixão pelo futebol nesta parte do mundo. É uma loucura, quero vivenciá-la", analisou.

Esse desejo será atendido a partir do dia 13 de junho, quando o Equador irá a campo para enfrentar a Colômbia pela primeira rodada do Grupo B da Copa América, que também conta com Brasil, Venezuela, Peru e Qatar.

A Copa América e as Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2022 serão as provas de fogo do novo técnico do Equador, que chega ao país após dois anos de campanhas decepcionantes da seleção equatoriana.

"Estou contente por ser parte deste grupo para fazer crescer o futebol local, com a ajuda dos que já fizeram um trabalho anterior que não pode ser ignorado", acrescentou.

Nos primeiros quatro dias de Equador, o técnico disse que aproveitou o tempo para conhecer a estrutura, o centro de treinamento da federação e outras instalações.

Jordy Cruyff revelou já ter observado alguns jogadores que o surpreenderam pelas capacidades demonstradas, mas se recusou a mencionar nomes porque acaba de iniciar o trabalho.