Topo

Neymar e Barça terão nesta sexta audiência por falta de pagamento de bônus

Charles Platiau/Reuters
Imagem: Charles Platiau/Reuters

26/09/2019 12h39

O atacante Neymar e o Barcelona estão convocados para uma audiência nesta sexta-feira em um tribunal da capital da Catalunha por um duplo processo relacionado com o bônus de renovação de contrato do brasileiro assinada em 2016, um ano antes da ida do jogador para o Paris Saint-Germain.

O objetivo da sessão, que já foi adiada duas vezes, é resolver as divergências em relação às luvas da renovação, que não foram pagas pelo clube 'blaugrana' depois da transferência de Neymar para o PSG, que na ocasião pagou a multa de rescisão, no valor de 222 milhões de euros.

Neymar não poderá comparecer à audiência e será representado por seus advogados e um procurador. Pelo lado do Barça, o presidente Josep María Bartomeu também não estará presente.

As duas partes estão convocadas a chegarem ao 15º Tribunal de Barcelona às 9h30 (local, 4h30 de Brasília). Antes disso, precisarão comparecer diante da advogada da Administração de Justiça para completar o trâmite de conciliação. Caso não haja acordo, o que é mais provável, haverá um julgamento oral.

Na última janela de transferências europeia, encerrada no começo deste mês, Neymar tentou um retorno ao Barça, mas não foi liberado pelo PSG. Se a volta tivesse acontecido, o processo teria sido retirado.

O atacante de 27 anos processou seu antigo clube por ter recebido apenas 14 milhões de euros das luvas, cujo valor total era de 43 milhões. O Barcelona não pagou os 29 milhões restantes depois que o brasileiro decidiu se transferir. Por sua vez, o clube espanhol cobra do jogador 75 milhões de euros por descumprimento de contrato. EFE

Mais Barcelona