PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Copa América 2020 terá abertura na Argentina e final na Colômbia

Buda Mendes/Getty Images
Imagem: Buda Mendes/Getty Images

Da EFE, no Rio de Janeiro

01/07/2019 18h23

A Copa América de 2020, a primeira da história que será sediada por dois países, começará em 12 de junho na Argentina e terá a final na Colômbia, em data a ainda ser definida, segundo informações divulgadas hoje pela Conmebol.

Assim, a principal competição entre nações da América do Sul será decidida em território colombiano 19 anos depois que a seleção da casa obteve seu único título de Copa América ao vencer o México por 1 a 0. Desta vez, porém, o mais provável é que a decisão ocorra em Barranquilla, segundo informações do prefeito da cidade, Antonio Char.

Ao contrário do atual formato, que prevê a realização de 26 partidas, na próxima versão serão 38 confrontos. Haverá o mesmo número de seleções, 12, com as dez da Conmebol e duas convidadas, mas divididas em dois grupos de seis e não mais em três chaves com quatro equipes cada. O Qatar voltará a jogar e terá a companhia da Austrália.

A divisão inclusive já está dividida por aspectos geográficos. A Zona Norte, disputada na Colômbia, terá a anfitriã, o Brasil, a Venezuela, o Equador, o Peru e um dos convidados - a definição se dará por sorteio. Já a Zona Sul, na Argentina, contará com a seleção da casa, o Chile, o Uruguai, a Argentina, o Paraguai, a Bolívia e o outro representante da confederação asiática. As quatro primeiras colocadas de cada grupo estarão nas quartas de final.

Esporte