PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Sevilla leva virada na prorrogação e está fora da Liga Europa; Benfica avança

14/03/2019 20h36

Redação Central, 14 mar (EFE).- Um dos favoritos ao título da Liga Europa, o Sevilla perdeu de virada nesta quinta-feira para o Slavia Praga, na prorrogação, por 4 a 3, e está fora do torneio, enquanto o Benfica garantiu vaga nas quartas de final após bater o Dínamo de Zagreb por 3 a 0, com dois gols marcados no tempo extra.

Depois de empate por 2 a 2 no Estádio Ramón Sánchez de Pizjuán, o time comandado por Pablo Machín repetiu o resultado no Sinobo Stadium, em Praga. Michael Ngadeu-Ngadjui abriu o placar para os donos da casa aos 15 minutos do primeiro tempo, mas Wissam Ben Yedder empatou aos 44, em cobrança de pênalti.

Na volta do intervalo, aos 3 minutos, também em cobrança de pênalti, Tomas Soucek recolocou o Dínamo na frente. Sete minutos mais tarde, Munir El Haddadi marcou e levou o jogo à prorrogação.

A partida ficou ainda mais agitada no tempo extra. Franco Vázquez virou o jogo para o Sevilla aos oito minutos da primeira etapa da prorrogação, mas o clube espanhol não conseguiu segurar o ímpeto dos donos da casa na reta final do duelo.

Mick van Burren igualou para o Slavia Praga aos 12 e, já na etapa derradeira, faltando um minuto para o apito final, Ibrahim Traoré devolveu a virada e colocou o time tcheco na próxima fase.

Em Portugal, o Benfica também sofreu para eliminar o Dínamo de Zagreb. As 'Águias' venceram no tempo regulamentar com gol do brasileiro Jonas, aos 26 minutos da etapa final, resultado que levou o jogo para a prorrogação após a derrota por 1 a 0 na Croácia.

No tempo extra, porém, o Benfica encontrou caminho mais fácil que o Sevilla e ampliou a vantagem aos quatro minutos, com Francisco Ferreira. Ainda no primeiro tempo da prorrogação, Petar Stojanovic foi expulso, complicando as chances do Dínamo no jogo.

O golpe final veio no minuto seguinte à expulsão, quando Alejandro Grimaldo fez o terceiro dos donos da casa na partida e confirmou a classificação do Benfica às quartas de final da Liga Europa. EFE

Esporte