PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Grêmio recebe Libertad em duelo pela liderança do grupo

11/03/2019 16h45

Porto Alegre, 11 mar (EFE).- Após estrear na Taça Libertadores com um empate em 1 a 1 fora de casa com o Rosario Central, o Grêmio terá o apoio da torcida em Porto Alegre ao receber nesta terça-feira, às 21h30 (de Brasília), o Libertad, que defenderá a liderança do grupo H.

Enquanto a equipe treinada por Renato Gaúcho divide a segunda posição do grupo com o Rosario Central, com um ponto cada, o time paraguaio soma três devido à goleada de 4 a 1 sobre a Universidad Católica em Assunção.

O técnico tricolor ainda não definiu a escalação, mas é provável que repita quase toda a equipe que foi a campo na primeira rodada. A única novidade deve ser a saída de Rômulo para o retorno do volante Michel, que não jogou na Argentina devido a uma lesão no tornozelo direito, da qual já está praticamente recuperado.

O Grêmio chega em boa fase ao confronto. Líder isolado do Campeonato Gaúcho, o tricolor vem de vitória por 3 a 0 sobre o São José no último sábado e está invicto neste ano.

Com vários titulares poupados, o Libertad empatou em 2 a 2 com o Sportivo Luqueño no sábado, partida que marcou a estreia de José Chamot como novo técnico da equipe. Esta é a primeira experiência do ex-jogador argentino como treinador.

Sendo assim, o time paraguaio atravessa um processo de renovação após a saída do colombiano Leonel Álvarez, que foi demitido por causa de um suposto descumprimento de uma cláusula do contrato.

O Libertad chegou a Porto Alegre com 20 jogadores e sem desfalques entre os titulares. Embora Chamot não tenha dado pistas sobre quais jogadores irão a campo, a expectativa é que repita a escalação que goleou a Universidade Católica, com destaque para os atacantes Adrián Martínez e Óscar Cardozo, que vivem bom momento.

Prováveis escalações:.

Grêmio: Paulo Victor; Leonardo, Geromel, Kannemann e Cortez; Michel, Maicon, Marinho, Luan e Everton; Felipe Vizeu. Técnico: Renato Gaúcho.

Libertad: Martín Silva; Piris, Paulo da Silva, Luis Cardozo e Cougo; Aquino, Mejía, Rivero e Bareiro; Martínez e Óscar Cardozo. Técnico: José Chamot.

Árbitro: Diego Haro (Peru) auxiliado pelos compatriotas Víctor Raez e Michael Orué.

Estádio: Arena do Grêmio, em Porto Alegre. EFE

Esporte