PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Sobis marca 8 anos depois, e Inter estreia na Libertadores com vitória

06/03/2019 21h16

Santiago (Chile), 6 mar (EFE).- Em seu primeiro jogos pelo Internacional em Taça Libertadores desde 2011, o atacante Rafael Sobis saiu do banco para marcar um gol e ajudou o Colorado a estrear no grupo A do torneio continental com vitória sobre o Palestino por 1 a 0 nesta quarta-feira, em Santiago.

Sobis começou na reserva, entrou em campo no estádio San Carlos de Apoquindo, na capital chilena, aos 19 minutos do segundo tempo, em lugar de Pedro Lucas, e aos 37 marcou de falta, com colaboração da barreira e do goleiro Ignacio González.

Bicampeão da América pelo Inter, o camisa 23 não disputava uma partida de Libertadores pelo clube que o revelou desde 2011, na surpreendente eliminação para o Peñarol nas oitavas de final. Seu último gol no torneio continental com a camisa vermelha havia sido feito em abril desse ano, ainda na fase de grupos, contra o Emelec.

Com a vitória, o time gaúcho largou à frente no grupo A da competição, que tem também Alianza Lima e River Plate. Os dois se enfrentarão ainda hoje no Peru.

Entre os jogadores que vêm atuando, Odair Hellmann teve todos à disposição para esta estreia. Os desfalques foram o goleiro Danilo Fernandes, que ainda se recupera de uma cirurgia no ombro direito, feita há sete meses, e não foi inscrito na fase de grupos, e o atacante Paolo Guerrero, que ainda cumpre suspensão por doping e enfim estreará no Inter em abril.

O Palestino balançou a rede aos dez minutos do primeiro tempo, mas o lance foi corretamente anulado. Jiménez chutou forte, o goleiro Marcelo Lomba deu rebote, e Passerini conferiu, mas foi marcado impedimento do atacante.

O Inter demorou a atacar, mas deu trabalho duas vezes em um curto intervalo, aos 24 e aos 27 minutos. Na primeira, Iago cruzou e William Potker não conseguiu arrematar, mas insistiu e obrigou o goleiro Ignacio González a fazer grande defesa. Na segunda, Patrick chutou rente à trave.

Ignacio González voltou a salvar o Palestino aos 33, em cabeceio firme de Pedro Lucas. Quatro minutos depois, foi a vez de Lomba operar um milagre, também em tentativa de cabeça, feita por Jorquera.

O Colorado incomodou aos seis minutos da etapa final, com Pottker, que foi acionado por Rodrigo Dourado na entrada da área e bateu colocado, parando na boa defesa de González. Os visitantes passaram a falsa impressão de que poderiam se lançar mais ao ataque, mas depois disso o jogo esfriou.

Tentando fazer valer o mando de campo, os 'Árabes' se soltaram um pouco mais a partir dos 20, mas tinha problemas na criação. Aos 21, Jiménez recebeu na área, mas não dominou como gostaria, e Patrick afastou com um chutão.

Pottker era quem mais arriscava no bicampeão continental, mas a sorte não estava com o atacante. Aos 30 minutos, o camisa 18 tabelou com Iago, chutou por baixo, e o goleiro defendeu com o pé.

Quem resolveu para o Inter então foi Rafael Sobis marcando o gol da vitória aos 37. O ídolo colorado, que havia entrado em lugar de Pedro Lucas, cobrou falta no meio da barreira, González estava mal posicionado e aceitou.

O Palestino esteve muito perto do empate aos 39, mas Lomba salvou a equipe gaúcha. Jiménez cobrou falta, Guerrero subiu mais que os zagueiros e cabeceou para ótima intervenção do arqueiro brasileiro. O Internacional respondeu com D'Alessandro', que entrou na vaga de um apagado Nico López para segurar o jogo e tentou por cobertura, mas exagerou na força.

Ficha técnica:.

Palestino: Ignacio González; Ayala, Alejandro González, Del Pino e Véjar; Farías, Cortés, Jiménez e Jorquera (Guerrero); Gutiérrez e Passerini (Ahumada). Técnico: Ivo Basay.

Internacional: Marcelo Lomba; Zeca, Rodrigo Moledo, Víctor Cuesta e Iago; Rodrigo Dourado (Rodrigo Lindoso), Patrick e Edenílson; Nico López (D'Alessandro), William Pottker e Pedro Lucas (Rafael Sobis). Técnico: Odair Hellmann.

Árbitro: Mario Díaz de Vivar (Paraguai), auxiliado pelos compatriotas Roberto Cañete e Dario Gaona.

Cartões amarelos: Jorquera (Palestino); Zeca, Patrick e Edenílson (Internacional).

Gol: Rafael Sobis (Internacional).

Estádio: San Carlos de Apoquindo, em Santiago. EFE

Esporte