PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Em luta por vaga em final, Real e Barça iniciam sequência de clássicos

26/02/2019 15h34

Madri/Barcelona, 26 fev (EFE).- Barcelona e Real Madrid se enfrentarão duas vezes em cinco dias nesta semana no estádio Santiago Bernabéu, a primeira delas nesta quarta-feira, em jogo que valerá uma vaga na final da Copa do Rei, três semanas após o empate em 1 a 1 na ida, no Camp Nou.

Para o Barça, a partida desta quarta na casa do adversário vale a manutenção do sonho de se tornar o primeiro time a vencer a copa nacional cinco vezes seguidas. No momento, a equipe 'blaugrana' divide o recorde de quatro conquistas seguidas com o próprio Real (1905 a 1908) e com o Athletic Bilbao (1931 a 1935).

Já os 'Blancos' pretendem encerrar a hegemonia do rival e voltar a ficar com uma taça que não veem desde 2014, ano em que bateram justamente o Barcelona na decisão.

Quem perder, além de ficar fora da final, contra Betis ou Valencia, no dia 25 de maio, no Benito Villamarín, em Sevilha, entrará em campo de cabeça inchada no próximo sábado, de novo no Bernabéu, quando 'El Clasico' valerá pela 26ª rodada do Campeonato Espanhol. Em 'La Liga', o Barça lidera com nove pontos de vantagem para o Real, que vem em terceiro, com dois a menos que o Atlético de Madrid.

A equipe dirigida por Santiago Solari vinha em uma crescente na temporada, mas ligou o sinal de alerta há dez dias com a derrota para o Girona em casa. O atual tricampeão europeu jogará pelo 0 a 0, enquanto um empate em dois ou mais gols beneficiará os visitantes. Em caso de novo 1 a 1, haverá prorrogação e, se necessário, uma disputa de pênaltis.

Solari tem todos os principais jogadores à disposição e mandará a campo nesta quarta algo próximo da força máxima. E, na Copa do Rei, a força máxima inclui o goleiro Navas, reserva nas outras competições. A única dúvida então está na lateral esquerda, já que o treinador argentino deu a entender que concederá nova chance a Marcelo em um dos dois clássicos desta semana.

A tendência, no entanto, é que isso aconteça no sábado e que Reguilón seja mantido na formação inicial. Com isso, os brasileiros entre os titulares provavelmente serão o volante Casemiro e o atacante Vinícius Júnior.

No Barcelona, as fichas mais uma vez estão depositadas em Lionel Messi, que tem nove vitórias em 16 jogos na última década no Bernabéu. Na partida de ida, há três semanas, o camisa 10 começou no banco e entrou em campo apenas na metade do segundo tempo, o que diminuiu o poder de fogo dos 'Blaugranas'.

A principal baixa para Ernesto Valverde é o meia Arthur, que até se recuperou de um problema na coxa esquerda, mas ainda não tem condições de jogo. Vidal e Philippe Coutinho, que outrora seriam os favoritos à titularidade, correm por fora, enquanto Sergi Roberto e Aleñá despontam com mais força na briga.

A situação do outro brasileiro do elenco é uma incógnita. Malcom marcou o gol de empate na ida, mas desde então não entrou em campo nem um segundo sequer.

Prováveis escalações:.

Real Madrid: Navas; Carvajal, Varane, Sergio Ramos e Reguilón (ou Marcelo); Casemiro, Kroos e Modric; Bale, Vinícius Júnior e Benzema. Técnico: Santiago Solari.

Barcelona: Ter Stegen; Semedo, Piqué, Lenglet e Alba; Busquets, Sergi Roberto e Rakitic; Messi, Dembélé e Suárez. Técnico: Ernesto Valverde.

Árbitro: José María Sánchez Martínez, auxiliado por Raul Cabañero Martinez e José García Gallego.

Estádio: Santiago Bernabéu, em Madri. EFE

Esporte