PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Em busca de 'revanche', Corinthians reencontra o Racing na Sul-Americana

13/02/2019 16h15

São Paulo, 13 fev (EFE).- Eliminado pelo Racing na última vez que disputou a Copa Sul-Americana, em 2017, o Corinthians terá uma "revanche" contra o time argentino às 21h30 (horário de Brasília) desta quinta-feira, em São Paulo, na partida de ida da primeira fase do torneio.

Dois anos atrás, ambos se encontraram nas oitavas de final do torneio. O Racing levou a melhor após dois empates, 1 a 1 na Arena Corinthians e 0 a 0 em Avellaneda, ficando com a vaga devido ao gol marcado como visitante.

O Corinthians chega à partida disposto a ofuscar a derrota por 1 a 0 para o Novorizontino no último domingo e finalmente iniciar uma boa sequência após um início de temporada irregular.

O técnico Fábio Carille deve realizar mudanças na lateral esquerda. Carlos Augusto, que voltou ao time após defender a seleção brasileira no Sul-Americano Sub-20, pode ser titular no lugar de Danilo Avelar, que está suspenso por ter sido expulso contra o Colo Colo na Taça Libertadores do ano passado.

A principal dúvida está no gol, já que Cássio sentiu dores na perna direita após uma saída durante um treino na terça-feira e teve que deixar o campo. Em caso de desfalque, deve ser substituído por Walter.

O Racing viajou sem o meia Ricardo Centurión, que foi afastado do elenco depois da discussão pública que teve no domingo com o técnico Eduardo Coudet. O incidente aconteceu no segundo tempo da derrota por 2 a 0 para o River Plate no estádio Monumental de Núñez.

O meia de 28 anos, cuja carreira é recheada de polêmicas dentro e fora dos gramados, empurrou Coudet quando o técnico pretendia passar instruções à beira do campo.

A equipe de Avellaneda viajou com algumas novidades, entre elas o atacante Mateo Cassierra, reforço colombiano procedente do Ajax, e o meia Juan Manuel Sánchez de León, das cateforias de base.

Prováveis escalações:.

Corinthians: Cássio; Fagner, Manoel, Henrique e Carlos Augusto; Ralf, Ramiro, Sornoza e Jadson; Vagner Love e Gustavo. Técnico: Fábio Carrille.

Racing: Arias; Saravia, Sigali, Donatti e Mena; Solari, Díaz, Domínguez e Cardozo; Cristaldo e Lisandro López. Técnico: Eduardo Coudet.

Árbitro: Víctor Carrillo (Peru) auxiliado pelos compatriotas Víctor Raez e Michael Orue.

Estádio: Arena Corinthians, em São Paulo. EFE

Esporte