PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Tite admite preocupação com Neymar e abre portas para Vinícius Júnior

24/01/2019 23h16

Rio de Janeiro, 24 jan (EFE).- O técnico da seleção brasileira, Tite, admitiu nesta quinta-feira, após a realização dos sorteios dos grupos da Copa América deste ano, uma preocupação com a situação do atacante Neymar, que se machucou ontem defendendo o Paris Saint-Germain, e deixou aberta a possibilidade de convocar Vinícius Júnior em breve.

"Humanamente, estou preocupado sim (com Neymar). Eu acompanhei o lance assim como vocês, as informações que tenho são as mesmas. Ele precisa de três dias para ter o real diagnóstico, e enquanto isso a gente fica na torcida. A gente tem uma viagem programada para contato com atletas importantes, de Liverpool, de PSG, de Barcelona, numa preparação que tem que ter a minha participação. Vamos esperar para ver se vamos ter contato com Neymar e torcer para que tudo já esteja bem", afirmou Tite na Cidade das Artes, na Barra da Tijuca, onde aconteceu a cerimônia que definiu o chaveamento do torneio.

Nesta quarta, durante a vitória do PSG sobre o Strasbourg por 2 a 0, pelos 16 avos de final da Copa da França, Neymar teve uma recaída da lesão no quinto metatarso do pé direito, a mesma que o obrigou a passar por uma cirurgia antes da Copa do Mundo do ano passado.

Por outro lado, o técnico do Brasil negou qualquer tipo de dor de cabeça em relação a outra peça importante da seleção nos últimos tempo, o meia Philipe Coutinho, que não vem sendo titular absoluto do Barcelona.

"Coutinho tem alternado, e o Dembélé agora está fora. E antes ele já vinha jogando. Ele tem revezado, algumas vezes por dentro, outras vezes por fora, mas se você pegar a minutagem dele, vai ver que tem estado bastante em campo", destacou.

Sobre Vinícius Júnior, que aos 18 anos vem sendo um dos principais jogadores do Real Madrid na atual temporada, Tite disse que em breve o jovem atacante poderá ser chamado para a seleção principal.

"Tivemos 14 atletas nessas últimas seis convocações que nunca tinham vestido a camisa da seleção brasileira. É um momento de transição e de oportunidades também. E quando eu falo de oportunidades, é diferente de teste. Teste é para quem não tem qualidade, e oportunidade é para quem tem. O Vinícius Júnior está em aberto, sim, até o momento da convocação", declarou. EFE

Esporte