PUBLICIDADE
Topo

Esporte

De Gea brilha, Manchester United bate Tottenham e renasce de vez no Inglês

13/01/2019 17h07

Londres, 13 jan (EFE).- O Manchester United enviou um recado para os concorrentes de que está vivo na briga pelos primeiros lugares do Campeonato Inglês, ao derrotar o Tottenham por 1 a 0, no Estádio de Wembley, em Londres, em noite de grande atuação do goleiro espanhol David De Gea.

O gol solitário da partida foi marcado pelo atacante inglês Marcus Rashford, aos 44 do primeiro tempo, após grande passe do meia francês Paul Pogba. O lance construiu o placar da quinta vitória consecutiva dos Diabos Vermelhos, que bateram nas últimas rodadas Cardiff, Huddersfield, Bournemouth e Newcastle.

No segundo tempo, no entanto, o United precisou de atuação fora de série de De Gea, que parou o ataque dos 'Spurs', liderado pelo inglês Harry Kane, que chegou a ter um tento anulado. O meia inglês Dele Alli e o meia dinamarquês Christian Eriksen foram outros que tiveram oportunidades e não superaram o espanhol.

O meia-atacante Lucas Moura, se recuperando de lesão, desfalcou hoje o time londrino. Já o volante Fred e o meia Andreas Pereira ficaram no banco de reservas do Manchester United ao longo dos 90 minutos da partida.

Com a vitória, os comandados pelo norueguês Ole Gunnar Solskjaer, sucessor do português José Mourinho, chegaram aos 41 pontos, se igualando ao Arsenal, quinto colocado, embora, levem a pior no saldo de gols. A distância para o Chelsea, último na zona de classificação para a Liga dos Campeões, é de seis pontos.

O Tottenham, por sua vez, está com 48 pontos na tabela, um a mais que os 'Blues'. A distância para o Liverpool, líder do Inglês, no entanto, já é de nove pontos.

Mais cedo, o Everton passou pelo Bournemouth por 2 a 0, dentro de seus domínios. O zagueiro francês Kurt Zouma, aos 16 do segundo tempo, e o atacante inglês Dominic Calvert-Lewin, aos 50 da etapa final, pouco após entrar no lugar do brasileiro Richarlison, marcaram.

Com o resultado, os 'Toffees' subiram provisoriamente para a décima colocação, ao chegar aos 30 pontos. O time visitante, por sua vez, está dois postos abaixo, com dois pontos a menos. EFE

Esporte