PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Brasileiro é suspenso de maneira provisória por órgão anticorrupção no tênis

09/12/2018 17h22

Redação Central, 9 dez (EFE).- O brasileiro Diego Matos foi suspenso de maneira provisória e com efeito imediato do tênis profissional, segundo determinou o diretor do Tribunal contra a Corrupção no Tênis, Richard H. McLaren.

A punição é resultado de investigações realizadas pela Unidade de Integridade do Tênis, órgão independente, ligado a Federação Internacional de tênis, sobre supostas violações no programa de luta contra irregularidades na modalidade.

Diego tem 30 anos e, atualmente, ocupa a 1.270ª colocação no ranking mundial da ATP, em simples. Já em duplas, o brasileiro ocupa o 247º lugar.

Com a decisão divulgada hoje, o tenista fica proibido de competir ou comparecer a qualquer evento organizado ou reconhecido pelos órgãos que gerem a modalidade, durante a duração da suspensão.

Esporte